Após briga com o marido  mãe é presa por fazer filha de 2 anos refém  | MUVUCA POPULAR

Domingo, 24 de Junho de 2018

CIDADES Segunda-feira, 11 de Junho de 2018, 15h:42 | - A | + A




POLÍCIA

Após briga com o marido mãe é presa por fazer filha de 2 anos refém

Por: Da Redação

Uma mãe foi presa suspeita de fazer a própria filha, de 2 anos, refém e tentar matá-la na casa da família na cidade de Alto Paraguai, a 219 km de Cuiabá. A situação ocorreu na noite de domingo (10) após uma briga da mulher, de 26 anos, e o marido dela.

Segundo a Polícia Militar, a mulher estava descontrolada e ameaçou matar a filha. O avô da criança acionou a PM, que conseguiu imobilizar a suspeita quase uma hora após as tentativas de negociação.

Os policiais se depararam com a criança no colo da mãe, que estava com uma faca na mão ameaçando matá-la. A todo instante ela dava golpes com a faca em um colchão, demonstrando estar determinada a tirar a vida da criança, conforme os policiais.

Por diversas vezes, segundo relatos do avô, ela colocava a faca na barriga da filha, sendo que, em uma delas, ficou cerca de 15 minutos com a faca encostada no corpo da menina.

Os policiais tentaram negociar a liberação da criança. Após cerca de uma hora de negociações, um dos policiais, ao perceber um momento de distração da mãe, pulou e segurou a mão da suspeita.

Para detê-la foi preciso também a ajuda do outro policial, pois a mulher tentava se soltar a todo custo, sendo necessário o uso de força para contê-la, retirar a faca da mão e pegar a criança sem que fosse ferida pela mãe.

A suspeita disse que é casada e tem duas filhas, a de dois anos e outra de 7, mas só a mais nova é filha dele. Ela afirmou que há dias começou a ter brigas por conta da outra menina que não é dele e da qual o marido não gosta.

Em uma das discussões, o marido teria dado um tapa no rosto da mulher e ela teria pego uma faca para defender-se Depois disso, ela pegou a filha do casal e com a faca e começou as ameaças. Ele fugiu do local após o fato.

O avô, que é sogro da suspeita, disse que o filho chegou em casa gritando desesperado dizendo que a mulher tinha pego a faca para atacá-lo.

A suspeita foi conduzida para a Delegacia da Polícia Civil de Diamantino. A criança está sob cuidados do Conselho Tutelar.

 

 

Por  G1MT

VOLTAR IMPRIMIR

COMENTÁRIOS

COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do MPopular. Clique aqui para denunciar um comentário.

comentários

coluna popular
Emanuel falará com a imprensa pela tarde
Gosto por carros era tanto que faltou fazer sexo
Veja o resultado completo
Jogo duplo de candidato pode enterrar sua eleição
PT, MDB e PSDB possuem as maiores quantias

Últimas Notícias
24.06.2018 - 18:18
24.06.2018 - 18:17
24.06.2018 - 15:58
24.06.2018 - 10:30


Nenhum deles

Mauro Savi

Wilson Santos

Wagner Ramos

Eduardo Botelho

Prof. Allan Kardec

Nininho

Janaina Riva

Valdir Barranco

Romualdo Júnior

Saturnino Masson

Silvano Amaral

Sebastião Rezende

Max Russi

Guilherme Maluf

Gilmar Fabris

Dilmar Dal Bosco

Max Russi

Roberto Bezerra

Niuan Ribeiro

Paulo Araújo

Antônio Marçal

Josair Lopes

Waldir Caldas

Diany Dias

João Batista

Oscarlino Alves

Edmundo César

Henrique Lopes

Suelme Evangelista

Carlos Avalone

Carlos Brito

Leonardo Oliveira

Layr Mota

Cabo Juliano

Dr. Edvaldo

Professora Rita

Nieta

Sergio Lader

Diego Guimarães

Juca do Guaraná

Faissal

Gilmar Fabris

Ademir Brunetto

Pedro Satélite

Oscar Bezerra

Zeca Viana

Luizinho Magalhães

Baiano Filho

Branquinha

Jajah Neves

José Antônio Pilegi

Luis Braz

Emílio Populo

Marcio Mendes

Cláudio Sena

Emídio de Souza

Major EB Cicero

Guarda Sttefany

Auditor Claudemir

Sargento Joelson

Gisele Lopes

Dr. Divino Henrique

Sr. Elias

Dr. Ardonil

Eliseu Nascimento

Samir Katumata

Dilemário Alencar

Gislene Cabral

Madona

Túlio Fontes

Joyce Lombardi

Miley Alves

Lúdio Cabral

Césare Pastorello

Dr. Daude

Edinho Paiva

Alex Rabelo

Leonice Lotufo

Djalma Sabo Mendes

Maviane Ramalho



Informe Publicitário