Empresas de contratos firmados por Mendes são investigadas | MUVUCA POPULAR

Domingo, 09 de Dezembro de 2018

COLUNA POPULAR Terça-feira, 04 de Dezembro de 2018, 19h:32 | - A | + A




Operação Sangria cumpre 11 mandados

Empresas de contratos firmados por Mendes são investigadas

Por: Vitória Tumelero

Nesta terça-feira, a Delegacia Fazendária cumpriu 11 mandados de busca e apreensão da "Operação Sangria", que investiga pagamentos ilegais na saúde de Cuiabá sobre contatos fechados na gestão de Mauro Mendes, com a Qualycar e com a Proclin.

O responsável pela pasta de Saúde era, e continua sendo, o secretário Huark Douglas Correia, que está sendo investigado, entretanto, o Ministério Público (MPE) solicitou a prisão do secretário, mas o pedido foi negado pela Justiça.

Além de ser acusado do crime de improbidade administrativa, Huark é sócio por procuração da empresa Prox Participações, que contém as investigadas em união holding.

Devido a pressão do MPE sob o prefeito, é esperado que Emanuel Pinheiro (MDB) exonere o Huark de seu cargo.

VOLTAR IMPRIMIR

COMENTÁRIOS

(2) COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do MPopular. Clique aqui para denunciar um comentário.

Maria - 05-12-2018 07:35:35

A polícia de Taques agindo... Estado polícial puro. Taques é imaturo politicamente. Sem capacidade de liderar, usou e abusou da ameaça e do medo contra os adversários. Se cercou de fanáticos e ressentidos que perseguiram até mesmo pessoas honestas.

Responder

1
1


Sandro - 05-12-2018 05:21:16

Mauro Mendes vai 'exportar' para o estado toda a experiencia de roubalheira adquirida na prefeitura de Cuiabá, qué vê escuta!

Responder

2
0


2 comentários