Gestão Taques triplica dívidas de Mato Grosso | MUVUCA POPULAR

Domingo, 09 de Dezembro de 2018

GOVERNO Sábado, 17 de Novembro de 2018, 17h:00 | - A | + A




"Restos a pagar"

Gestão Taques triplica dívidas de Mato Grosso

Em 2015 o estado tinha dívidas estimadas em R$ 447 milhões e agora totaliza R$ 1,423 bilhões

Por: Vitória Tumelero

De acordo com informações do Ministério da Fazenda, as dívidas de Mato Grosso triplicaram em 3 anos, com um acréscimo de 218%, o estado saltou de R$ 447 milhões para R$ 1,423 bilhões em restos a pagar.

Em 2015, o estado de Mato Grosso possuía R$ 447 milhões em restos a pagar. Já em 2016, o valor subiu para R$ 976 milhões e, em 2017, chegou a R$ 1,423 bilhões.

Segundo o Tesouro Nacional, o aumento de dívidas é comum em todo o país, porém, a triplicação demonstra a calamidade do cenário ecônomico do estado.

O estudo do Boletim de Finanças dos Entes Subnacionais apontou que, assim como outros 13 estados do Brasil, Mato Grosso estourou o limite de despesas com os Poderes, isso explica o aumento dos restos a pagar.

"Como as despesas não couberam no orçamento do ano, o aumento do déficit veio acompanhado de elevação nos restos a pagar. Os restos a pagar refletem atrasos de pagamentos de fornecedores e de folha", afirma economista.

Além do relatório fiscal do estados, o Tesouro Nacional avalia e da uma nota para cada estado. Essas notas servem para que o estado consiga novos empréstimos da União, estados com nota A ou B são capacitados, enquantos os com C ou D não.

O estado de Mato Grosso obteve nota C na avaliação, como outros 11 estados do país, ou seja, devido a baixa capacidade de pagamento (Capag), o estado não é capaz de receber empréstimos do Federal.

VOLTAR IMPRIMIR

COMENTÁRIOS

COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do MPopular. Clique aqui para denunciar um comentário.

comentários