Alunos fazem greve após diretora escolhida pelo governo retirar aulas de inglês, reforço e debates éticos | MUVUCA POPULAR

Terça-feira, 18 de Setembro de 2018

MATO GROSSO Sexta-feira, 06 de Julho de 2018, 08h:42 | - A | + A




CÁCERES

Alunos fazem greve após diretora escolhida pelo governo retirar aulas de inglês, reforço e debates éticos

Por: Redação

Alunos da ecola Estadual Rodrigues Fontes em Cáceres, a 220 km de Cuiabá, estão em greve há 15 dias.

Segundo o Sindicato dos Trabalhadores no Ensino Público de Mato Grosso (Sintep/MT), a escola está em greve pelo direito de eleger o gestor escolar da unidade, que foi indicado pelo governo, contrariando decisão da comunidade escolar.

Os estudantes alegam que a diretora da escola retirou as aulas de inglês, reforço e outras atividades.

Por meio de nota, a Secretaria de Educação de Mato Grosso (Seduc) diz que está acompanhando o caso de perto, com o apoio do Ministério Público Estadual (MPE). O MPE deve realizar uma audiência nesta sexta-feira (6), às 10h, na Seduc, com estudantes, pais e educadores da escola.

Conforme o Sintep, o estado não cumpriu uma lei que determina a eleição direta de diretores das unidades escolares e seguinte nomeação pelo governador. Uma diretora foi indicada e nomeada pela própria Seduc.

A diretora, ao chegar na escola, suspendeu projetos e transferiu funcionários desrespeitando o Conselho Deliberativo da Comunidade Escolar (CDCE).

O direito à eleição da gestão escolar é garantido pela Lei 7.040, de 1998, que prevê o processo eleitoral a cada dois anos com votação de professores, funcionários, estudantes e pais.

Ainda de acordo com o Sintep, em quase dois meses no cargo, a gestora indicada pela Seduc acabou com projetos de aulas de inglês, reforço, reciclagem de óleo e debates sobre matrizes religiosas, diversidade sexual e afrodescendência, sem nenhum debate com a comunidade escolar e sem consultar o CDCE.

VOLTAR IMPRIMIR

COMENTÁRIOS

(1) COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do MPopular. Clique aqui para denunciar um comentário.

Maria Auxiliadora - 07-07-2018 19:43:34

“Governo de transformação”: transformou a escolha democrática de diretores das escolas públicas em uma ditadura; anão moral e físico esse caçador de marajás do pantanal. Espero que os eleitores mato-grossense deem a resposta que este verme e sua cantilena que não convence nem os seus pares, pois até estes não aguentam mais as piadinha e tentativas fracassadas de parecer “seguro” e “superior”. Não é, taqxes e seus secretários, seus parentes são quadrilheiros, tal qual a do governo federal.

Responder

4
0


1 comentários

coluna popular
Rejeição a Taques em Sinop é falta de comunicação
Cuiabá amanhece ‘forrada’ de verde
MPF critica a troca de acusações entre candidatos
Ex-coordenador de campanha de Taques é condenado
TRE mantém propaganda de Wellington Fagundes

Últimas Notícias
18.09.2018 - 13:33
18.09.2018 - 13:22
18.09.2018 - 12:18
18.09.2018 - 11:38


Pedro Taques (PSDB)

Mauro Mendes (DEM)

Wellington Fagundes (PR)

Moisés Franz (Psol)

Arthur Nogueira (Rede)



Informe Publicitário