Moradores fazem protesto na Câmara de VG  | MUVUCA POPULAR

Domingo, 24 de Junho de 2018

MATO GROSSO Terça-feira, 12 de Junho de 2018, 09h:10 | - A | + A




PROTESTO

Moradores fazem protesto na Câmara de VG

Mais de 400 famílias reclamam que as obras do residencial ficaram paralisadas por 5 anos

Por: Redação

Os moradores que ocuparam as casas do Residencial Jequitibás, em Várzea Grande, fazem um protesto na manhã desta terça-feira (12) nas dependências da Câmara Municipal de Vereadores. As mais de 400 famílias reclamam que as obras do residencial ficaram paralisadas por 5 anos, e a Construtora Aurora recebeu recursos públicos, mas não concluiu as moradias.

No último mês de março, cansados de esperar pela entrega da sonhada casa própria, centenas de pessoas resolveram ocupar o conjunto habitacional, localizado próximo ao Residencial José Carlos Guimarães, nas imediações da Rodovia Mário Andreazza. São famílias inteiras, homens, mulheres e crianças, e depois da ocupação das casas já houve nascimentos de dois bebês no Residencial Jequitibás, onde moram cerca de 700 crianças em idade escolar.

a

 

Juntamente com a associação de moradores, as famílias ingressaram na justiça com diversos processos, questionando a Prefeitura de Várzea Grande e a Construtora Aurora, responsável pelas obras. O Residencial Jequitibás é alvo de diversas investigações, inclusive no âmbito da Polícia Federal, uma vez que foram utilizados recursos repassados pelo Governo federal. 

As 406 casas não possuem água tratada por recusa do Departamento de Água e Esgoto em fornecer, e as residências não possuem banheiro, piso e em algumas delas o telhado foi destruído pela ação de vândalos e decurso do tempo – a obra está parada há cinco anos.

Os moradores protestam pela entrega oficial das casas e o direito de cada um concluir a construção, já que todos fizeram a inscrição na Secretaria de Habitação de Várzea Grande por não possuir local para morar e se enquadrarem no perfil de beneficiários da política oficial de habitação popular. As obras de conservação e manutenção do local estão sendo coletivas, com os vizinhos se solidarizando entre si.

documento
3

 


 

 

VOLTAR IMPRIMIR

COMENTÁRIOS

(1) COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do MPopular. Clique aqui para denunciar um comentário.

Maurício - 12-06-2018 10:02:33

até que fim, o Povo de VG deixou ser omisso e procurar seu direito!! é somente assim se pode conseguir melhora essa cidade tao decadente e abandonada.

Responder

1
0


1 comentários

coluna popular
Emanuel falará com a imprensa pela tarde
Gosto por carros era tanto que faltou fazer sexo
Veja o resultado completo
Jogo duplo de candidato pode enterrar sua eleição
PT, MDB e PSDB possuem as maiores quantias

Últimas Notícias
24.06.2018 - 18:18
24.06.2018 - 18:17
24.06.2018 - 15:58
24.06.2018 - 10:30


Nenhum deles

Mauro Savi

Wilson Santos

Wagner Ramos

Eduardo Botelho

Prof. Allan Kardec

Nininho

Janaina Riva

Valdir Barranco

Romualdo Júnior

Saturnino Masson

Silvano Amaral

Sebastião Rezende

Max Russi

Guilherme Maluf

Gilmar Fabris

Dilmar Dal Bosco

Max Russi

Roberto Bezerra

Niuan Ribeiro

Paulo Araújo

Antônio Marçal

Josair Lopes

Waldir Caldas

Diany Dias

João Batista

Oscarlino Alves

Edmundo César

Henrique Lopes

Suelme Evangelista

Carlos Avalone

Carlos Brito

Leonardo Oliveira

Layr Mota

Cabo Juliano

Dr. Edvaldo

Professora Rita

Nieta

Sergio Lader

Diego Guimarães

Juca do Guaraná

Faissal

Gilmar Fabris

Ademir Brunetto

Pedro Satélite

Oscar Bezerra

Zeca Viana

Luizinho Magalhães

Baiano Filho

Branquinha

Jajah Neves

José Antônio Pilegi

Luis Braz

Emílio Populo

Marcio Mendes

Cláudio Sena

Emídio de Souza

Major EB Cicero

Guarda Sttefany

Auditor Claudemir

Sargento Joelson

Gisele Lopes

Dr. Divino Henrique

Sr. Elias

Dr. Ardonil

Eliseu Nascimento

Samir Katumata

Dilemário Alencar

Gislene Cabral

Madona

Túlio Fontes

Joyce Lombardi

Miley Alves

Lúdio Cabral

Césare Pastorello

Dr. Daude

Edinho Paiva

Alex Rabelo

Leonice Lotufo

Djalma Sabo Mendes

Maviane Ramalho



Informe Publicitário