Deputado de MT será investigado pela justiça | MUVUCA POPULAR

Terça-feira, 16 de Outubro de 2018

PODERES Segunda-feira, 11 de Junho de 2018, 10h:20 | - A | + A




MÁFIA DAS GRÁFICAS

Deputado de MT será investigado pela justiça

O procedimento investiga um esquema de corrupção envolvendo gráficas em MT

Por: Redação

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Dias Toffoli, instaurou um inquérito contra o deputado federal Ezequiel Fonseca (PP). O procedimento investiga um esquema de corrupção envolvendo gráficas em Mato Grosso.

A investigação não se enquadra nos requisitos estabelecidos para a fixação da competência do Supremo para processamento e julgamento de parlamentares. No caso de deputados federais, o foro por prerrogativa de função no STF fica restrito aos crimes comuns cometidos após a diplomação e relacionados ao cargo.

O Ministério Público Estadual (MPE) pontuou que o deputado recebeu um cheque de R$ 35 mil proveniente da Defanti Gráfica e Editora, por meio da conta bancária de sua cunhada, Rosilene de Fátima Basso, em outubro de 2012. Rosilene também é investigada.

Por conta da prerrogativa de foro enquanto deputado federal, a denúncia contra Fonseca e sua cunhada estava sob responsabilidade do STF, que abriu investigação em 25 de agosto de 2016.

A “Máfia das Gráficas” agia supostamente sob o comando do então presidente da Assembleia, José Riva, que ordenava a realização do esquema por meio de licitação.

Em seguida, o então secretário-geral do Poder, Luiz Márcio Pommot, coordenaria o suposto esquema, que seria operado pelo empresário Jorge Luiz Defanti.

Era ele, conforme o MPE, quem definia os futuros vencedores de cada lote do pregão, a partir de propostas de preços pré-determinadas, junto a outros empresários do ramo gráfico que participavam do esquema.

Do dinheiro recebido, os empresários devolveriam ao então deputado Riva 75% do valor, ficando apenas 25% restante

VOLTAR IMPRIMIR

COMENTÁRIOS

COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do MPopular. Clique aqui para denunciar um comentário.

comentários

coluna popular
Redução já gera atrito entre poderes
Deputado vai se dedicar aos negócios
Críticos serão indenizados após 10 anos
Deputada deve mudar de lado no segundo mandato
Afirma Nelson Barbudo

Últimas Notícias
16.10.2018 - 15:00
16.10.2018 - 14:43
16.10.2018 - 14:13
16.10.2018 - 14:11




Informe Publicitário