Candidato ao governo é acusado de praticar trabalho escravo  | MUVUCA POPULAR

Segunda-feira, 12 de Novembro de 2018

POLÍTICA Quarta-feira, 12 de Setembro de 2018, 12h:55 | - A | + A




Denúncia de Taques

Candidato ao governo é acusado de praticar trabalho escravo

Pedro Taques declarou que Mauro viola os direitos humanos em entrevista

Por: Helena Corezomaé

O governador Pedro Taques (PSDB) acusou o concorrente Mauro Mendes (DEM) de praticar trabalho escravo com 812 funcionários e ex-funcionários do Grupo Bipar, em Rondônia.

Desde o começo da campanha os candidatos ao governo tem trocado acusações. A denúncia dessa vez foi feita durante entrevista a TV Centro América nesta quarta-feira (12).

"Me permita contar uma história. Em Rondônia 800 trabalhadores estão passando fome, morando em alojamento tipo de animais, como disse a juíza do Trabalho de Rondônia. Porque o candidato Mauro Mendes não paga os seus servidores", disse o governador.

Pedro Taques complementou dizendo que “isso é tratar as pessoas com violação dos direitos humanos". O candidato fez questão de lembrar que atuou na criação da lista suja de trabalho escravo, quando ainda era procurador da República.

Dívida de Mauro

O Grupo Bipar, formado pelas sociedades Bipar Energia S.A, Bipar Investimentos e Participações S.A, Mavi Engenharia e Construções Ltda e Bimetal Indústria Metalúrgica Ltda, de Mauro Mendes, entrou com pedido de recuperação judicial em 2015 e teve o plano aprovado por credores no ano seguinte para pagar as dívidas.

Apesar disso, alguns ex-funcionários reclamam que ainda não receberam. Em um vídeo que circula no whatsapp, um trabalhador - que não se identifica - afirma que trabalhou para a Mavi Engenharia na construção de linhas de transmissão no Estado de Rondônia e que saiu da empresa sem receber os direitos. Ele mostra a carteira de trabalho e questiona o não recebimento dos valores devidos.

VOLTAR IMPRIMIR

COMENTÁRIOS

(15) COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do MPopular. Clique aqui para denunciar um comentário.

Rob - 13-09-2018 13:24:18

politico bom é politico morto ontem os dois eram amigos e hoje ficam jogando bosta no ventilador os dois são dejetos do mesmo esgoto estamos é ferrados pois os trés primeiros colocados são todos iguais não vale nada

Responder

7
1


Edinei - 13-09-2018 13:19:50

Com a família que ele tem, tudo na cadeia, não dá pra acusar ninguém ,e só baixaria típico desse ser

Responder

6
1


Marcelo - 13-09-2018 13:18:31

Trabalho escravo governador não paga servidor público, lixo de gestão governador espero que a Polícia Federal visita sua casa.

Responder

8
1


constantino - 13-09-2018 13:16:30

Pedro táxi está desesperado porque sabe que vai perder

Responder

8
1


Virso - 13-09-2018 13:11:04

Venha no interior e faz uma matéria com os servidores da Educação,escuta cada profissional,ai vcs terão a conclusão de vcs,vcs verão e irão sentir na pele o que este Governo fez com a classe de profissionais da educação. Venha para o Interior,começa por Santa Helena que ali ja vcs vão sentir,passa em Terra Nova e o principal fala com os profissionais da educação de Peixoto de Azevedo. Faz isso por gentileza.

Responder

7
0


Nivaldo Souza - 13-09-2018 08:37:46

politico bom é politico morto ontem os dois eram amigos e hoje ficam jogando bosta no ventilador os dois são dejetos do mesmo esgoto estamos é ferrados pois os trés primeiros colocados são todos iguais não vale nada

Responder

6
2


Celestino Capelari - 13-09-2018 08:36:54

Como funciona a politica.... ontem eram bons amigos - Taques e Mendes

Responder

10
2


Lineth - 13-09-2018 08:36:08

Começou a baixaria!

Responder

7
2


Joemar Rondon - 13-09-2018 08:35:03

Pede voto vocês pra Pedrinho malvadeza logo isso que vocês quer

Responder

10
2


Laise Costa Martins - 13-09-2018 08:34:07

Sera q alguns sites de notícias ainda nao percebeu a mudanca politica q esta acontecendo ? Que nao se faz politica com noticias cm esta. Mostre o q o governador fee e o q nao cumpriu o mesmo c Mauro. Deixe o povo escolher.

Responder

10
2


Wellison Morais Henrike - 13-09-2018 08:33:02

Trabalho escravo governador não paga servidor público, lixo de gestão governador espero que a Polícia Federal visita sua casa.

Responder

9
2


Marcelo Gomes - 13-09-2018 08:32:00

Muvuca se vendeu Quem é Pedro taquis pra falar de trab escravo Não paga os servidores

Responder

12
4


jose antonio silva - 13-09-2018 04:41:32

FOFOCA DE PEDRO TAQUES LAVADEIRA! VIU SEUS PRETENSOS SONHOS NAUFRAGAREM E VEM COM ESSE TIPO DE COISA! DIZ QUE SEU PATRIMONIO NÃO AUMENTOU DESDE QUE OCUPOU O CARGO DE SENADOR! QUE ADMINISTRADOR É ESSE? SE NÃO AUMENTOU PATRIMÔNIO PESSOAL, COMO CONSEGUE ADMINISTRAR UM ESTADO? FALIU CARRINHO DE PIPOCA; CASAMENTO! AGORA ANDA AÍ TIPO EMPRESA PASTEL: NAMORADA DE ALUGUEL.

Responder

15
3


Celestino - 13-09-2018 04:05:04

Como funciona a politica.... ontem eram bons amigos - Taques e Mendes

Responder

8
1


Jonas - 12-09-2018 21:32:16

Pega um cara desse e paga mixaria pra apresentar pedaços da carteira fazem montagem e fica essa palhaçada... quero ver quando as empresas em Mato Grosso estiverem quebradas e esses pais de família sem emprego. Mandei 25 funcionários em 2 anos do governador da destruição Pedro Taques e jamais irei contratar alguém somente terceirizado e com nota

Responder

16
2


15 comentários