Governo se defende de um lado e oposição só sabe atacar, diz Leitão | MUVUCA POPULAR

Domingo, 19 de Agosto de 2018

POLÍTICA Sexta-feira, 08 de Junho de 2018, 15h:05 | - A | + A




MT À DERIVA

Governo se defende de um lado e oposição só sabe atacar, diz Leitão

Deputado afirma que abstenções nas urnas podem chegar a 50% pela falta de propostas dos candidatos

Por: Marcio Camilo

O deputado federal Nilson Leitão (PSDB) disse que Mato Grosso corre o risco de ter 50% de abstenções nas urnas, nas eleições de outubro, caso os grupos políticos continuem sem propostas reais para os problemas do Estado.

Ele detalhou que as novas regras eleitorais, que restringiu as campanhas em 45 dias, também engessou os candidatos no sentido de apresentar propostas. Aliado a isso, Leitão afirma que o atual cenário político em Mato Grosso se resume em ataque e defesa:

“Em Mato Grosso falta poucos dias para a convenção e ainda não há de fato um candidato que empolgou o leitor. O governador legitimamente sendo candidato à reeleição, porque a regra garante isso, também não está disparado nas pesquisas, pelo contrário. E tudo isso acaba gerando um imbróglio”.

Leitão – pré-candidato ao Senado – insiste na tese de que não “está tendo debate” sobre os rumos de Mato Grosso, e isso tem irritado à população: “Quem está vindo a campo está acontecendo duas coisas: quem está no poder tenta defender o seu legado e quem está na oposição não tem dado a mensagem clara à sociedade, ao contrário, está falando mal do governo”.

O deputado acrescentou dizendo que não tem a expertise dos marqueteiros de campanha, mas a credita que não há uma formula mágica para conquistar o eleitor:

“O que tá acontecendo em Mato Grosso, e aí sim tem que repensar a política, como eleitor olhando de fora, é que todo mundo que quer assumir a função de candidato contra o governo, não vem para poder fazer uma proposta nova, vem para criticar o que está aí. Então o eleitor ainda ele não consegue enxergar uma esperança. Na minha opinião é simples: quem está no governo tem que apresentar fatos. E quem está na oposição tem que ter esperança. Se não criar esperança para o eleitor dificilmente vai ter aquele sentimento”. 

“Pode ser que ocorra daqui pra frente, mas se ficar apenas na crítica, eu acho que o eleitor vai continuar desanimado e chegar aí nesse ponto de 49, 50% sem aparecer na urna ou anulando o seu voto”, concluiu o deputado.

VOLTAR IMPRIMIR

COMENTÁRIOS

(8) COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do MPopular. Clique aqui para denunciar um comentário.

Francisco Antonio de Almeida - 09-06-2018 10:29:01

Não notei nenhuma proposta ou plano de trabalho deste antecipadamente candidato derrotado ao senado.

Responder

7
0


#nomeiaagenpen - 09-06-2018 00:34:48

PEDRO TAQUES PARA PRESIDENTE!!!!! Parem de pegar no pé do meu GOVERNADOR DECENTE, o melhor que Mato Grosso já teve!! E NOMEIA AGEPEN MT

Responder

3
8


Gomes - 08-06-2018 23:09:11

A mudança é do povo não acreditamos mais em políticos e. A sociedade é omissa quando vota nulo e em branco, e não vão votar isso só favorece os políticos mesmo

Responder

7
0


Dalva - 08-06-2018 22:52:34

O povo deixou de ser bobo ....mudanças no cenário político tem que acontecer..diga não a reeleição ..esse é o lema do Brasil....

Responder

11
0


Valdemar - 08-06-2018 22:51:54

Não tem que criar esperanças pois isso é a velha tatica dos politicos corruptos porq enquanto faz promessas vazias a população cria a esperança de que as coisas vao mudar pra melhor, ja estamos saturados com isso e essa raça de ladroes tem que entender q ja ta na hora de vazar fora e limpar o plenario e dar lugar pra quem realmente quer honrar a patria.

Responder

9
0


Marcos Carmo - 08-06-2018 22:50:55

Espero que o povo se lembre da proposta do nobre deputado ao trabalhadores rurais em troca de trabalho, moradia e e refeição sem direito ao salário ???? tá na hora muda tudo...

Responder

8
0


GRILO MT - 08-06-2018 22:48:47

Meu voto será NUUUUUUULOOOOOOO!

Responder

5
3


Carlos Nunes - 08-06-2018 15:59:21

É meio difícil defender de Rêmora, com o Allan Malouf dizendo que correu dinheiro...dos Grampos, onde muitos cidadãos de bem foram sumariamente grampeados...das Pedaladas no FUNDEB e no FETHAB. Só a blindagem do cargo segura isso...se perder a eleição a blindagem acaba...e até os delatores premiados ficam mais atrevidos e começam a contar mais estórias.

Responder

12
0


8 comentários