Prefeito apoia Jayme ao Senado | MUVUCA POPULAR

Segunda-feira, 20 de Agosto de 2018

POLÍTICA Quinta-feira, 14 de Junho de 2018, 10h:13 | - A | + A




ALIANÇA

Prefeito apoia Jayme ao Senado

Mesmo defendendo Jayme, o prefeito afirma que segue apoiando Fagundes ao governo

Por: Redação

Durante o evento de apresentação dos novos pontos de ônibus da capital que ocorreu na tarde desta quarta-feira (13), o prefeito Emanuel Pinheiro (MDB) declarou que defende apoiar a candidatura de Jayme Campos (DEM) ao senado. Segundo Emanuel, Jayme Campos é um nome que representaria a baixada cuiabana.

“Caso o Jayme Campos seja candidato ao Senado, independente da coligação, falando por mim, Emanuel Pinheiro, vou discutir com a coligação a possibilidade de apoiá-lo por que eu me dou contemplado na baixada cuiabana com o ex-governador e ex-senador Jayme Campos fazendo parte do processo com a candidatura ao Senado”, disse o prefeito.

Mesmo defendendo a candidatura de Campos, o prefeito frisou que para a disputa ao Governo segue apoiando o nome de Wellington Fagundes (PR). "Meu apoio é ao senador Wellington Fagundes e acredito que ele estará no segundo turno".

Emanuel voltou a falar sobre o desejo de que o vice de Wellington Fagundes seja da baixada cuiabana, mas não citou nomes e esclareceu que não há uma garantia de que será alguém do MDB.

“Para vice ainda vamos ver. Falar de nome agora é complicado. A coligação tem vários nomes, inclusive existem nomes que podem surgir. Não teve garantia nenhuma, estamos conversando e por enquanto são só posicionamentos dos aliados, das lideranças. Vamos sentar na mesa e discutir o melhor para o estado”, declarou.

Atualmente o projeto de coligação que lançou a pré-candidatura de Fagundes ao governo conta com o apoio de seis partidos, que são: MDB, PTB, PR, PSD, PP e PCdoB.

VOLTAR IMPRIMIR

COMENTÁRIOS

COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do MPopular. Clique aqui para denunciar um comentário.

comentários