Blogueiro conhecido por divulgar Fake News teve despesas pagas por fundação do PSL | MUVUCA POPULAR

Domingo, 15 de Dezembro de 2019

BRASIL Quarta-feira, 26 de Junho de 2019, 09h:13 | - A | + A




Blogueiro conhecido por divulgar Fake News teve despesas pagas por fundação do PSL

Allan dos Santos, do Terça Livre, que sempre afirmou não ser bancado por partido político, foi financiado pela instituição para que participasse da Cúpula Conservadora das Américas, em dezembro de 2018

o-blogueiro-allan-dos-santos-1561496382738-v2-900x506.jpg

Foto por: Terça Livre

A Indigo (sigla para Instituto de Inovação e Governança), fundação mantida com recursos do PSL, partido do presidente Jair Bolsonaro (PSL-RJ), pagou despesas do blogueiro conservador Allan dos Santos, um dos fundadores do site Terça Livre e conhecido por divulgar notícias falsas, segundo reportagem do Uol.

Allan, que sempre afirmou não ser bancado por partido político, foi financiado pela instituição para que participasse da Cúpula Conservadora das Américas, em dezembro de 2018.

A Indigo é presidida por Sérgio de Petribu Bivar, filho do atual presidente nacional do PSL, Luciano Bivar. A fundação mantida com recursos do Fundo Partidário é vinculada ao PSL. Documentos obtidos pelo UOL junto ao TSE (Tribunal Superior Eleitoral) mostram que a Fundação Indigo pagou passagens de avião e diárias de hotel para que o blogueiro.

Os recibos referentes às despesas de Allan dos Santos constam da prestação de contas do PSL à Justiça Eleitoral. Todos os anos, os partidos e suas fundações precisam prestar contas de como utilizaram os recursos que receberam, seja por meio de doações privadas, ou por meio do Fundo Partidário, composto por recursos públicos.

Leia a íntegra da resposta de Allan dos Santos:

“Serei o mais sucinto possível. Estou movendo algumas ações judiciais a vários jornalistas e órgãos de mídia que buscam manchar a imagem do meu trabalho. O portal UOL e o Grupo Folha receberam [sic] milhões por ano da Secom [Secretaria de Comunicação da Presidência] e você quer que eu responda às perguntas sobre compra de passagens em um evento que eu sequer cobrei a palestra. Isso é patético. Se houver qualquer manipulação na matéria, resolverei isso na Justiça.

Essa é a minha resposta.

Atenciosamente,

Allan dos Santos”.

VOLTAR IMPRIMIR

COMENTÁRIOS

COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do MPopular. Clique aqui para denunciar um comentário.

comentários

coluna popular
Blairo Maggi e Silval Barbosa
121 instituições foram contempladas
Parte será destinado à creche Irmã Hylda
Apostou a favor de Selma
Um mês e meio de férias

Últimas Notícias
15.12.2019 - 07:51
14.12.2019 - 19:01
14.12.2019 - 15:56
14.12.2019 - 12:28
14.12.2019 - 11:56




Informe Publicitário