New York Times chama Bolsonaro de mini-Trump em análise sobre assembleia geral da ONU | MUVUCA POPULAR

Quarta-feira, 13 de Novembro de 2019

BRASIL Segunda-feira, 23 de Setembro de 2019, 08h:50 | - A | + A




New York Times chama Bolsonaro de mini-Trump em análise sobre assembleia geral da ONU

Um artigo assinado pelo chefe do escritório do jornal no Rio, o ex-editorialista Ernesto Londoño fala sobre a destruição da Amazônia e coloca uma pensata: "imagine Bolsonaro sendo julgado por ecocídio em Haia"

trump-bolsonaro-afp-1280x720.jpg

Foto: Reprodução

Em uma análise dobre a assembleia geral da Organização das Nações Unidas (ONU), que acontece a partir desta terça-feira (24), o jornal The New York Times classificou neste domingo (22) Bolsonaro como um “mini-Trump”, ” uma figura polarizadora em casa que, como Trump, descarta os medos sobre as mudanças climáticas e ridiculariza os críticos no Twitter”.

No sábado (21), um artigo assinado pelo chefe do escritório no Rio, o ex-editorialista Ernesto Londoño fala sobre a destruição da Amazônia e coloca uma pensata: “imagine Bolsonaro sendo julgado por ecocídio em Haia”.

Ao editor do NYT, Eloísa Machado, professora de direito da Universidade Getúlio Vargas, em São Paulo, disse que o desmantelamento de proteções ambientais de Bolsonaro, que dizimou as comunidades indígenas da Amazônia, já atende aos critérios de crimes contra a humanidade sob a lei internacional existente. Eles poderiam, disse ela, equivaler a genocídio.

A Amazônia deve ser um dos principais temas do discurso de Jair Bolsonaro, em sua estreia na abertura da assembleia da ONU. Ele diz que fará uma defesa do que chama de “soberania nacional” e da atuação do governo brasileiro na região.

Na sexta-feira (20), em uma breve conversa com jornalistas na entrada da residência oficial do Palácio da Alvorada, o presidente disse que seus antecessores, quando iam à ONU, “falavam e não diziam nada”.

“Eu ouvi pronunciamentos anteriores de outros chefes de Estado do Brasil”, afirmou Bolsonaro. “No passado, tinha muita… Falava, falava, falava e não dizia nada. Temos que falar do patriotismo nosso, da questão da soberania, do que o Brasil representa para o mundo”, completou o presidente.

VOLTAR IMPRIMIR

COMENTÁRIOS

(2) COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do MPopular. Clique aqui para denunciar um comentário.

Carlos Nunes - 23-09-2019 15:24:51

Pois é, os dois são parecidos...tem uma qualidade comum, são sinceros, falam o pensam na cara, na bucha, com diz o ditado popular. Se tio Trump não gosta de um cara, fala na hora...BOLSONARO idem. Diferentes das velhas raposas, que são HIPÓCRITAS pra burro. Mentem...tem um bando de delatores premiados apontando e dizendo: Esse? Pediu propina também. E apesar disso, tem a cara de pau de dizer que é o mais honesto do Brasil. Resta saber, o que é o mais importante: falar o que pensa na cara, ou na HIPOCRISIA mentir? O cara mais honesto do Brasil, quando disse: não se preocupem, não tem crise...é só uma Marolinha! MENTIU ou não Mentiu? Claro que mentiu pra burro...a vaca da Economia já tava no meio do brejo, atolada até o pescoço.

Responder

1
3


olavo - 23-09-2019 13:37:01

NY Times, Washington Post, The Guardean, CNN e outros todos jornais progressistas/esquerdistas, não iam falar bem, normal, tudo correndo na maior e absoluta normalidade...kkkkkkkk

Responder

0
2


2 comentários