Assembleia recebe primeira feira de arte e artesanato indígena do Alto do Xingu | MUVUCA POPULAR

Segunda-feira, 17 de Fevereiro de 2020

GERAL Segunda-feira, 07 de Outubro de 2019, 15h:13 | - A | + A




CULTURA

Assembleia recebe primeira feira de arte e artesanato indígena do Alto do Xingu

A exposição acontece no saguão principal da sede do Parlamento, dessa segunda até sexta-feira, das 8h às 17h. Ao todo, 11 expositores apresentam artigos e produtos ligadas à cultura dos povos Wuaja e Aruak


redacaomuvuca@gmail.com

Com o objetivo de promover a cultura e divulgar os trabalhos artesanais dos povos indígenas de Mato Grosso, a Assembleia Legislativa realiza a primeira feira de arte e artesanatos produzidos pelos índios de aldeias do Alto do Xingu. A exposição acontece no saguão principal da sede do Parlamento, dessa segunda (7), até sexta-feira, das 8h às 17h. Ao todo, 11 expositores apresentam artigos e produtos ligados à cultura das etnias Wuaja e Aruak.  A organização é do Instituto Memória do Poder Legislativo (IMPL).

“A realização da feira visa dar visibilidade aos povos indígenas de Mato Grosso, que representam muito da cultura e da história do estado”, afirma a superintendente do IMPL, Mara Visnadi. Segundo ela,  a AL tem intensificado os trabalhos para se aproximar mais de todas as regiões do estado para divulgar e promover as riquezas culturais e artísticas, por meio do espaço cultural gerido pelo Instituto Memória.

Para os expositores a oportunidade é importante para divulgar e comercializar os produtos que representam as suas identidades e que também são geradores de renda para os povos do Alto do Xingu. A maior dificuldade é a distância, são mais de 800km de Cuiabá, e a locomoção é feita parte em frete de caminhão da aldeia até Canarana, onde pegam um ônibus para chegar a capital, conforme explica o índio Tumonumaca Waja, que é um dos coordenadores do grupo.

A desembargadora Maria Erotides visitou a feira durante uma agenda na ALMT e ficou encantada com exposição. “É de uma beleza e de uma representatividade tão grande para as nossas referências culturais que já estamos conversando para prorrogar e estender essa feira para o Tribunal de Justiça”, adiantou sensibilizada também pelas dificuldades enfrentadas pelo grupo.  

No local estarão à disposição do público artigos criados pelos índios. São redes, ocas em miniatura, colares, adornos de cabelo, zarabatanas, e arco e flecha, que poderão ser apreciados e adquiridos pelos visitantes do Poder Legislativo.

VOLTAR IMPRIMIR

COMENTÁRIOS

COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do MPopular. Clique aqui para denunciar um comentário.

comentários

coluna popular
Não quer dinheiro público em campanha
Pedro Viana bateu em traseira de caminhão
Construindo candidatura para eleições municipais
Terceira Oitiva
Preservando as tradições

Últimas Notícias
17.02.2020 - 18:50
17.02.2020 - 18:38
17.02.2020 - 18:11
17.02.2020 - 16:54
17.02.2020 - 16:47




Informe Publicitário