TRE cancela título eleitoral de quase 180 mil eleitores  | MUVUCA POPULAR

Segunda-feira, 25 de Março de 2019

GERAL Segunda-feira, 07 de Janeiro de 2019, 17h:02 | - A | + A




Cuiabá e Várzea Grande

TRE cancela título eleitoral de quase 180 mil eleitores

Por: Redação

O Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso cancelou a inscrição eleitoral de 124.780 eleitores de Cuiabá e 54.755 de Várzea Grande, que não fizeram o cadastramento biométrico. Até que regularize a situação, o eleitor com o título cancelado não pode obter a certidão de quitação eleitoral, cuja apresentação se faz necessária para o exercício de diversos direitos civis.

O eleitor de Cuiabá e Várzea Grande que teve o título cancelado deve procurar um dos postos de atendimento ao eleitor instalados em seu município. Para regularizar a situação é necessário apresentar um documento oficial com foto e comprovante de residência.

Na capital mato-grossense o atendimento ao eleitor acontece na Casa da Democracia – situada na avenida do CPA, das 07h30 às 13h30 e nas unidades do Ganha Tempo, situadas na região central – Prainha e CPA I, das 08h às 18h.

Já em Várzea Grande, o atendimento ao eleitor acontece na Central de Atendimento situada Avenida Castelo Branco, n. 47, Centro, das 7h30 às 13h30.

Revisão do Eleitorado

A revisão do eleitorado com coleta de dados biométricos foi realizada em Cuiabá e Várzea Grande, no período de 13 de fevereiro de 2017 a 23 de novembro de 2018. Em Cuiabá, 68,62% dos eleitores compareceram à Justiça Eleitoral e cadastraram-se biometricamente, sendo que em Várzea Grande este percentual foi de 71,27%.

A revisão do eleitorado de Cuiabá e Várzea Grande foi homologada pelo Pleno do TRE no dia 18 de dezembro. Na ocasião, o corregedor regional eleitoral de Mato Grosso, desembargador Pedro Sakamoto explicou que todo o processo de revisão foi conduzido com respeito aos tramites legais e de forma a garantir a qualidade no atendimento ao cidadão eleitor.

“Foi dada a necessária publicidade da revisão aos eleitores, aos partidos políticos, ao Ministério Público Eleitoral, à imprensa e aos órgãos locais, constatando-se, dessa forma, que todas as formalidades legais previstas na legislação de regência foram rigorosamente obedecidas. Além disso, a Justiça Eleitoral, com a ajuda de Instituições públicas e privadas parceiras, instalou postos de atendimento em locais estratégicos de Cuiabá e Várzea Grande”.

VOLTAR IMPRIMIR

COMENTÁRIOS

COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do MPopular. Clique aqui para denunciar um comentário.

comentários

coluna popular
Vídeo portando arma não era com vereador Abílio
'Grampolândia Pantaneira'
Após rumores de que poderia ir para outro partido
O processo da deputada foi enviado ao MPF
Cancelamento do festival 300 anos

Últimas Notícias
24.03.2019 - 18:12
24.03.2019 - 17:34
24.03.2019 - 17:23
24.03.2019 - 16:33


Emanuel Pinheiro

Valtenir Pereira

Procurador Mauro

Gisela Simona

Lúdio Cabral

Janaina Riva

Juiz Julier

Mauro Carvalho

Fábio Garcia

Ulysses Moraes

Pedro Taques

Victório Galli

Nenhum deles



Informe Publicitário