Programa ajuda 16 mil alunos a melhorar desempenho escolar  | MUVUCA POPULAR

Quinta-feira, 19 de Setembro de 2019

GOVERNO Sábado, 08 de Junho de 2019, 12h:26 | - A | + A




Programa ajuda 16 mil alunos a melhorar desempenho escolar

Além de promover formação e acompanhamento pedagógico, o programa implantado em 30 unidades escolares orienta e integra a família


muvucapopular@gmail.com

Trinta unidades da rede municipal de ensino estão recebendo até o dia 13 de junho, a visita do consultor pedagógico do programa Escola da Inteligência, Dieikson de Carvalho. Este acompanhamento faz parte das ações desenvolvidas pelo programa que é realizado desde 2018 no município e oferece suporte técnico para sanar as dúvidas e troca de experiências entre os professores e coordenadores, e auxilia alunos e pais a se relacionarem de forma saudável. 

O consultor pedagógico explicou que neste primeiro acompanhamento, estão sendo feitas as entregas dos fantoches dos animais da Escola da Inteligência e um CD contendo palestras e orientações para que a escola desenvolva durante o ano. “A Escola da Inteligência oferece um kit específico de material gráfico diferente para família, professores e alunos. Cada livro tem linguagem e ilustrações apropriadas para a faixa etária dos alunos. O material dos professores contém orientações, propostas, recursos e atividades para apoio na aplicação das aulas. O livro destinado à família tem conteúdo voltado à análise da realidade atual e ajuda os integrantes da família a se integrarem e vencerem juntos os desafios da vida contemporânea”, explica Dieikson Carvalho. 

Sobre os resultados obtidos depois da implantação do programa nas escolas, Dieikson pontuou que os professores de Cuiabá são muito motivados e comprometidos com o processo de ensino aprendizagem dos alunos. “Vemos a entrega significativa que as escolas realizaram motivando os alunos a participarem do Programa Escola da Inteligência, trabalhando as características psicológicas e emocionais de cada personagem dos kits, as emoções saudáveis e não saudáveis de cada um, e vai construindo nos alunos uma relação de autoconhecimento, de reciprocidade, de empatia e de respeito às diferenças. Isso está modificando o comportamento em sala de aula, tornando os alunos mais tranquilos, mais serenos, mais aptos ao aprendizado e proporcionando aos professores ferramentas para trabalharem as emoções dos alunos, dando a eles a oportunidade de crescerem emocional, psicológica e socialmente”, acrescenta Dieikson. 

Em 2018, oitos escolas da rede municipal aplicaram o programa na Capital, contribuindo efetivamente com melhorias no desempenho escolar, qualificando a aula ministrada pelo professor. Houve diminuição de conflitos e brigas; os alunos ficaram menos ansiosos e mais interessados nos estudos, se relacionando de forma mais harmoniosa em casa e também na escola. Mais de 5 mil alunos foram atendidos. Este ano, o programa foi ampliado para 30 unidades educacionais, incluindo o atendimento aos pais, a 596 profissionais da Educação e 16.042 mil alunos. 

Além do acompanhamento pedagógico, a Escola da Inteligência oferece capacitação presencial para professores, supervisores e diretores; palestras para famílias; workshops; palestras com Dr. Augusto Cury e Formação Continuada EAD.

As visitas começaram no último dia 03 e já foram visitadas as EMEB Osmar José do Carmo Cabral, Constança Figueiredo Palma Bem Bem, Ana Tereza Arcos Krause, Jesus Criança, Zeferino Leite de Oliveira e Maximiano Arcanjo da Cruz, Maria Elazir Correa de Figueiredo e Liberdade. Nesta quinta-feira será a vez das EMEB Raimundo Pombo Correia e Floriano Bocheneki (manhã) e Francisco Pedrosa da Silva (à tarde). 

Escola da Inteligência 

A Escola da Inteligência é um programa educacional que tem por objetivo desenvolver a educação sócio emocional no ambiente escolar. Fundamentada na Teoria da Inteligência Multifocal, elaborada pelo professor, psiquiatra, pesquisador e escritor Augusto Cury, o programa promove por meio da educação das emoções e da inteligência, a melhoria dos índices de aprendizagem, redução da indisciplina, aprimoramento das relações interpessoais e o aumento da participação da família na formação integral dos alunos. 

O programa também estimula a postura empreendedora, criatividade, o combate e prevenção ao bullying, drogas e o aumento da qualidade de vida dos professores, pais e alunos.  

VOLTAR IMPRIMIR

COMENTÁRIOS

COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do MPopular. Clique aqui para denunciar um comentário.

comentários