Igreja Batista Getsemâni

Bolsonaro é eleito, mas não tem apoio da maioria da população

89 milhões de brasileiros não votaram em Bolsonaro

Helena Corezomaé
Redação

Ainda que as urnas tenham dado legitimidade a Jair Bolsonaro (PSL), neste domingo (28), para ser o novo presidente do Brasil, ele não teve o apoio da maioria da população.

O segundo turno desta eleição teve a maior abstenção desde 1998. Ao todo 31.370.372 de brasileiros não foram às urnas, o que representa 21,3% do eleitorado do país.  

Além disso, 2.486.571 (2,14%) pessoas votaram em branco e 8.607.999 (7,43%) preferiram anular o voto.

Ou seja, 42.464.942 milhões de brasileiros preferiram se abster. Ao somar o número de abstenções com os votos em Fernando Haddad (PT), 47.040.820 milhões, temos 89.505.762 pessoas que não apoiaram Bolsonaro.

O presidente eleito recebeu 57.797.464 milhões de votos, número menor a soma de abstenções e votos em Haddad, o que demonstra que ele não prevaleceu entre os brasileiros.


Fonte: MUVUCA POPULAR

Visite o website: https://www.muvucapopular.com.br