Igreja Batista Getsemâni

Indígenas ocupam prédio em protesto contra coordenador de Saúde

Enawenê-nawê questionam a demissão de um servidor da saúde indígena

Helena Corezomaé
redacaomuvuca@gmail.com

WhatsApp Image 2019-05-14 at 10.06.18.jpeg

 

Indígenas do povo Enawenê-nawê, da Aldeia Halataikwa, localizada no município de Brasnorte, a 580 km de Cuiabá, ocuparam nesta manhã (14) o prédio do Distrito Sanitário Especial Indígena (DSEI) para pedir a saída do coordenador, Argon Norberto Hachmann.

Conforme Hachmann, os indígenas questionam a demissão de um servidor da saúde indígena. Entretanto, o coordenador esclarece que o ex-funcionário está sendo investigado pela Polícia Federal, por incitar os indígenas a fazerem ocupações e protestos.

“Essa situação já está sendo objeto de investigação da Polícia Federal, isso é incitação à ordem pública. Eles têm uma dificuldade enorme de compreender o processo burocrático, então, nós vamos fazer todos os esforços para resolver. A informação que eu tenho é que os funcionários estão tranquilos dentro do salão, mas os indígenas não estão deixando ninguém entrar ou sair, o que acaba sendo uma medida de força”, declarou Hachmann em entrevista exclusiva ao emanuelzinho

O coordenador ainda informou que negociará a saída pacífica dos indígenas, mas a lei garante que ele entre com um pedido de integração de posse, que poderá ser cumprido em até uma hora. Porém, fará o possível para que a coordenação não precise acionar a Polícia Federal.

"O Ministério da Saúde, o Governo Federal tem uma orientação quando isso acontece, tenho que pedir a reintegração de posse, eu sou funcionário público federal e tenho que seguir as orientações do Governo Federal. Eu não sei ainda que atitude vou tomar por que é uma situação nova, mas eu vou lá dialogar para ver o que eu posso fazer", finalizou.  

WhatsApp Image 2019-05-14 at 10.06.16.jpeg

 

 


Fonte: MUVUCA POPULAR

Visite o website: https://www.muvucapopular.com.br