Igreja Batista Getsemâni

Rodrigo Rodrigues é vetado em cargo no governo Federal

Após revelação da capivara currículo vai pro lixo

Redação

 

O jornalista Rodrigo Rodrigues foi sumariamente vetado no governo Bolsonaro, onde buscava uma boquinha. Após meses de articulação junto a bancada federal que lhe dava apoio unânime, bastou um "não' da senadora juíza Selma Arruda  (PSL), a carrasca dos corruptos mato-grossenses, para que a Casa Civil de Bolsonaro jogasse o currículo do pretendente na lata de lixo.

Rodrigues pleiteava uma diretoria da Sudeco, dizia que estava no PDT mas foi rejeitado pelo partido, e mantinha sua filiação no MDB. Nas últimas semanas veio à tona a 'capivara' do moço, que foi acusado pelo próprio pai de ameaça de morte, e tem restrições judiciais por ter sido preso no ano passado.

Os polêmicos áudios que costuma soltar atacando todos pelo whatsapp também não ajudou a melhorar sua imagem já pra lá de queimada. Tresloucado, o ex-apoiador de Dilma/Lula e agora bolsonarista Rodrigo Rodrigues chegou a chamar a líder do governo Bolsonaro, Joice Hasselman de garota de programa e o aliado do planalto, senador Jorge Kajuru de viado. Em resposta, Kajuru disse que "Graças a Deus não conhecia o mato-grossense".

 


Fonte: MUVUCA POPULAR

Visite o website: https://www.muvucapopular.com.br