Igreja Batista Getsemâni

Usuária da Caixa relata aglomeração e mais de 3h de espera para atendimento

Prorrogação do auxílio emergencial gerou longas filas nas agências

Matheus Maurício
redacaomuvuca@gmail.com

Reprodução

Reprodução

Com a prorrogação do pagamento das parcelas do auxílio emergencial usuários relatam filas enormes e aglomeração de pessoas ao lado de fora das agências da Caixa Econômica Federal (CEF) em vários pontos da cidade. Uma dessas é a agência localizada na Avenida Barão de Melgaço, no Centro, onde cliente relatou ao Muvuca Popular ter ficado na manhã desta segunda-feira (21) por mais de três horas esperando atendimento.

“Eu cheguei lá por volta das 12h45 e a agência tem um decreto falando que até 13h atende. Eu entrei com tempo pra ser atendida e a gerente falou que não ia me atender, porque já tinha acabado o tempo”, relata.

Ainda segundo a jovem, após a situação a funcionária do banco teria agido de uma forma um pouco agressiva pedindo para que ela fosse para fora da agência na lateral da instituição para receber a senha de atendimento.

“Assim eu fui, chegando lá eles mal olham na sua cara, te jogam lá e deixam no sol. Tinha gestantes lá sabe uma situação de baixo escalão, isso não se faz com um sujeito (...) tinhas muitas pessoas lá sentado, alguém até chamou a polícia”, reitera.

Segundo a jovem, foram mais de quase 3h na fila para conseguir resolver sua situação na instituição bancária. Além dela, outras pessoas relataram que chegaram ao local por volta das 8h da manhã, mas em média levaram 4h para conseguir ser atendidas. 

“Estava um calor, ninguém vinha falar nada. Além do perigo de ser assaltada. Tinha várias pessoas de pé e sem informação, só por volta das 13h30 que a polícia chegou, quando a situação já estava encaminhada”, finaliza.


Fonte: MUVUCA POPULAR

Visite o website: https://www.muvucapopular.com.br