Sindicato deve apresentar irregularidades de Caravana em cinco dias  | MUVUCA POPULAR

Domingo, 25 de Outubro de 2020

INVESTIGAÇÃO Sábado, 26 de Janeiro de 2019, 13h:03 | - A | + A




Tribunal da Justiça

Sindicato deve apresentar irregularidades de Caravana em cinco dias

O Sindicato dos Médicos de Mato Grosso (Sindimed) deve apresentar na próxima semana ao Tribunal de Justiça (TJ) provas de irregularidades nas cirurgias de catarata realizadas pelo Governo do Estado na “Caravana da Transformação”. A decisão é Luís Aparecido Bertolucci Júnior, da Vara Especializada Ação Civil Pública e Ação Popular e foi publicada no Diário de Justiça Eletrônico na sexta-feira (25).

A ação, que inicialmente foi movida pela Associação Mato-grossense de Oftalmologia (AMO) e mais tarde pelo Sindimed é de 2016 e aponta que “o Estado de Mato Grosso não observou as regras do processo licitatório, quando da contratação da empresa 20/20 Serviços Médicos S/S”.

Também é alvo do processo as condições de atendimento, tendo em vista que “o projeto também não observou as normas técnicas do SUS e outras normas aplicáveis, quanto à estrutura, prestação de serviços e atendimento de pacientes”.

O Sindicato tem 5 dias úteis para apresentar as provas de irregularidades nos procedimentos, que, segundo denúncias, causaram prejuízos aos pacientes atendidos.

Advogada do Sindimed, Fernanda Vaucher de Oliveira explica que o projeto do Governo não resolve o problema da população e é apenas um método paliativo. “O Sindicato é a favor de concursos públicos para fixar os médicos no interior. Porque com a Caravana, além de contratar médicos de fora do estado, ainda não volta para fazer o acompanhamento pós-operatório necessário”.

Segundo a advogada, as condições em que eram realizadas as cirurgias também eram irregulares. “Os procedimentos eram feitos em um galpão e não no hospital. E em vez de fazer um programa continuado, busca apenas soluções paliativas”.

No processo, o Estado se defende alegando que “os serviços passam por fiscalização constante do Ministério Público, da Secretaria de Saúde e do próprio CRM/MT e, que não foi detectada qualquer irregularidade quanto às instalações e os serviços prestados”.

VOLTAR IMPRIMIR

COMENTÁRIOS

COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do MPopular. Clique aqui para denunciar um comentário.

comentários

coluna popular
Não teve apoio de Bolsonaro
Recompensa por recuo?
Era servidora municipal
Sem chance
Corrida ao Senado

Últimas Notícias
25.10.2020 - 11:11
25.10.2020 - 11:00
25.10.2020 - 09:02
25.10.2020 - 08:54
25.10.2020 - 08:40


Muvuca (PL)

Adevair Cabral (PTB)

Chico 2000 (PL)

Misael Galvão (PTB)

Ricardo Lobo (PL)

Aladir (PL)

Sargento Joelson (SD)

Juca do Guaraná (MDB)

Luluca Ribeiro (MDB)

Macrean

Renivaldo Nascimento

Toninho de Souza

Edna Sampaio (PT)

Robson Cireia (PT)

Ricardo Saad

Oseas Machado (MDB)

Rogério Varanda

Alex Ribeiro (PP)

Maurélio (PSDB)

Dudu Santos

Marcelo Bussiki

Vinícyus Clovito

Diego Guimarães

Mário Nadaf

Marcos Veloso

Gisele Almeida

Orival do Farmácia

Wilson Kero-Kero

Dr. Xavier

Justino Malheiros

Zidiel Coutinho

Sargento Vidal

Dídimo Vovô

Clebinho Borges

Júlio da Power

Jamilson Moura

Emídio de Souza (PSL)

Adalberto Cavalcanti

Ricardinho

Kako do CPA

Dilemário Alencar

Max Campos (PSB)

Cezinha Nascimento

Edienes Hadassa

Dr Luiz Fernando

PF Rafael Ranalli

Gabriel Henrique

Itamar Jefferson (PL)

Cristiano Paraqueda

Sebastião Moraes

Daniel

Justino Campos

Rafael "Faré"

Darley Gonçalves

Osmar Rodrigues "Chefinho"

Elenir Pereira

Prof.instrutor Joaquim Neto

Diogo Fernandes

Ade Silva

Sargento Ozeni

Dito Paulo

Paulo Macedo

Luiz BA

Professor Frankes

Paulo da VGDI

Valdemir MM

Weto Salgado

Dr. Daúde

Bob Medina

Wagner Vinícius

Luis Carlos

Carlos Henrique do Correio

Adv Cris

Elenir Pereira

Zé Carlos

Luis Cláudio

Huelton Souza

Rosenil Luiz (Canelinha de pacu) (PL)

Sargento Ozeni

Luiz Poção (PL)

Edilson Odilon (PL)

Paulinho CPA

Germânio Araújo

Chico do Leblon

Delegado Garcia

Renato Anselmo

Cleber Adôrno

Doidinhoducorte

Neno do Pascoal Ramos

Prof. Jorginho

Itamar Carvalho

Sidney de Souza

Marquinhos Carioca

Renato Anselmo

Pablo Queiroz

Pastor Jeferson

Paulo do Carmo

Vinícius Pardi

Aroldo Telles

Marcus Brito Jr.

Elzio Xaulin

Ledevino Conceição

Elias Santos

Edmilson Carmo

Gato Louco

Nilda Tosca



Informe Publicitário