Estudantes de MT são premiados na 23ª Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica | MUVUCA POPULAR

Sexta-feira, 14 de Maio de 2021

MATO GROSSO Sexta-feira, 16 de Abril de 2021, 12h:59 | - A | + A




SUCESSO

Estudantes de MT são premiados na 23ª Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica

Duas estudantes da escola estadual Professora Julieta Xavier Borges, no município de Barra do Bugres (168 km da Capital), foram premiadas na 23ª Olimpíada Brasileira Astronomia e Astronáutica (OBA). Emilly Vitória de Oliveira Pereira e Gabriely Barreto Teixeira, ambas no 8º ano do Ensino Fundamental, receberam medalhas de bronze.

Além delas, mais quatro alunos ficaram entre os finalistas: Emanuelly Vitoria Fernandes da Silva, Murilo Laurentino de Oliveira, Enzo Gabriel da Silva Costa e Heloísa Manuelly dos Santos.

- FIQUE ATUALIZADO: Entre em nosso grupo de WhatsApp do Mvuca Popular e receba as notícias em tempo real (aqui)

Por causa da pandemia, o evento foi realizado de forma não presencial, no final do ano passado. A premiação foi divulgada no início deste mês.

Para Gabriely, ser medalhista foi uma surpresa e também uma forma de ganhar mais conhecimento. “Foi uma experiência nova e estou muito feliz com a premiação”, comemora.

Vitória também ficou emocionada com a medalha, pois nunca tinha feito uma prova do OBA, na modalidade virtual. “Para mim foi muito significativo ganhar essa medalha de bronze. Já tinha participado da OBA dois anos e ganhava o certificado, que também é muito importante para mim”, assinala.

A Olimpíada

A olimpíada ocorre uma vez ao ano, com questões de conhecimentos científicos. Existem aplicativos de simulação para preparar os alunos com antecedência.

Para a realização da prova não presencial, o aluno recebe um link com senha individual. As questões são de múltiplas escolhas, com imagem, com texto. O aluno tem três dias para acessar com horários definidos.

Incentivo

A diretora Andreia Rodrigues Geres ressalta o empenho dos finalistas nas atividades propostas. Em seu entendimento, as medalhas refletem o trabalho desenvolvido pelos alunos pelo professor de Ciências, Jeison Lisboa Santos, que incentivou os alunos.

“Acredito que esse resultado positivo incentiva os demais estudantes da unidade a participarem nos próximos eventos, pois todos têm suas potencialidades, habilidades a serem descobertas e consolidadas. A parceria e incentivo das famílias nas ações desenvolvidas na instituição também foram fundamentais”, avalia Andreia.

 

VOLTAR IMPRIMIR

COMENTÁRIOS

COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do MPopular. Clique aqui para denunciar um comentário.

comentários

coluna popular
Está no grupo de risco
Primeiro Hospital Regional
Grupo com comorbidades
Prêmios de 10 e 5 mil reais
Sonho antigo

Últimas Notícias
13.05.2021 - 21:35
13.05.2021 - 21:31
13.05.2021 - 21:26
13.05.2021 - 21:23
13.05.2021 - 21:18




Informe Publicitário