Após caso de assédio na Câmara, Prefeito não receberá mulheres desacompanhadas em gabinete  | MUVUCA POPULAR

Sexta-feira, 22 de Novembro de 2019

MUVUCADAS Domingo, 10 de Novembro de 2019, 19h:50 | - A | + A




Pedido da primeira-dama

Após caso de assédio na Câmara, Prefeito não receberá mulheres desacompanhadas em gabinete

Pedido da primeira-dama

O prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro (MDB), divulgou que a partir de agora não irá mais receber mulheres em seu gabinete sem estar acompanhado de pelo menos um assessor. O pedido foi feito a pedido de sua esposa, a primeira-dama Márcia Pinheiro, para evitar que o parlamentar caia em ‘armadilhas’.

Márcia se refere ao caso do vereador Adevair Cabral (PSDB), que recente foi acusado de assediar uma servidora pública.

De acordo com o prefeito, sua esposa, a primeira-dama Marcia Pinheiro ficou preocupada com o que aconteceu com o vereador e pediu para que o marido não atenda mulheres sem testemunhas em seu gabinete, para evitar conflitos parecidos.

VOLTAR IMPRIMIR

COMENTÁRIOS

COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do MPopular. Clique aqui para denunciar um comentário.

comentários