Caravana Lula Livre com Haddad é adiada  | MUVUCA POPULAR

Segunda-feira, 23 de Setembro de 2019

MUVUCADAS Terça-feira, 20 de Agosto de 2019, 17h:02 | - A | + A




“Vida de professor”

Caravana Lula Livre com Haddad é adiada

“Vida de professor”


redacaomuvuca@gmail.com

Foto: Ricardo Stuckert

Foto: Ricardo Stuckert

O ex-candidato à presidência, Fernando Haddad (PT), cancelou sai vinda até Cuiabá na tarde desta terça-feira (20). O professor que viria para comandar a “Caravana Lula Livre”, precisou adiar o evento por “compromissos profissionais emergenciais, em suas atividades como docente universitário”.

Sua passagem por Mato Grosso estava prevista para o dia 22 de agosto. Além da Caravana, o petista havia demonstrado interesse visitar comunidades quilombolas, entre elas, o quilombo Mata Cavalo, localizado no município de Nossa Senhora do Livramento.

Além, de existir a possibilidade de Haddad ministrar uma aula pública na Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT), pois o ex-candidato continua atuando como professor da Universidade de São Paulo (USP).

Confira:

"O Partido dos Trabalhadores em Mato Grosso (PT-MT) informa que recebeu às 15h desta terça-feira (20), comunicado da Direção Nacional do PT, cancelando a caravana Lula Livre com Fernando Haddad no Centro-Oeste, em Mato Grosso e Mato Grosso do Sul.

O cancelamento ocorreu devido a compromissos profissionais emergenciais de Haddad, nas suas atividades como professor.

Tão logo possível a Direção Nacional do PT definirá uma nova data.

Partido dos Trabalhadores em Mato Grosso

PT-MT"

VOLTAR IMPRIMIR

COMENTÁRIOS

(4) COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do MPopular. Clique aqui para denunciar um comentário.

Carlos - 21-08-2019 21:12:16

Kkkk Condenação = Compromisso Profissional, o que una condenação básica não faz.

Responder

0
0


Olavo - 20-08-2019 20:52:19

Fala a verdade cambada, ele não veio porque foi condenado a 4 anos e meio de PRISÃO!!! Bandidoooo

Responder

7
0


Sergio Rubens - 20-08-2019 20:49:33

Não é só o efeito SECRETARIO ADJUNTO DA SEDUC não, para conhecimento, apareceu no ESTADÃO nessa tarde uma condenacãozinha básica. O PT está acabando, graças a Deus.

Responder

8
0


Carlos Nunes - 20-08-2019 17:59:35

Ih! É o efeito Secretário Adjunto da SEDUC, investigado por passar a mão no dinheiro dos indígenas, dos quilombolas...Foi um pé no saco, daqueles que abala tudo...Agora a Polícia tá atrás pra ver quem mais tava envolvido nisso...Secretário Adjunto geralmente não apita nada, só recebe ordens do Secretário-mor. Já teve o caso de uma vez um Secretário dizer: todo dia sei o dinheiro que entra, que sai da Secretaria, tenho o mapa da mina, tintim por tintim, centavo por centavo. Acompanho tudo. E aí, tem Secretário que depois não sabe que desviaram dinheiro dos indígenas, dos quilombolas? Coitado dos indígenas e quilombolas...sempre aparece alguém pra passar a perna neles.

Responder

11
0


4 comentários