Vereador diz que acusação de violência é perseguição política | MUVUCA POPULAR

Sábado, 08 de Agosto de 2020

MUVUCADAS Terça-feira, 07 de Julho de 2020, 15h:54 | - A | + A




Caso foi parar na delegacia

Vereador diz que acusação de violência é perseguição política

Caso foi parar na delegacia


redacaomuvuca@gmail.com

Rafael Piovezan de Campos.jpg

Foto: Reprodução

O vereador Rafael Piovezan de Campos (PP), de Acorizal (70 km da capital), afirmou que as acusações de violência doméstica contra a sua esposa são fruto de perseguição política. Em vídeo gravado ao lado da companheira, o parlamentar tenta passar uma imagem pacífica e de que tudo está bem.

"Infelizmente, a gente sabe que a perseguição na política é assim. Se não conseguimos atender e agradar a todos, sempre tem a perseguição. Mas isso não me abate, eu estou tranquilo. Estou com a minha família, não sou candidato, então não tem porquê vocês ficarem me perseguindo", aponta o parlamentar.

Rafael foi acusado de agredir sua esposa na última sexta-feira (3), com um soco na boca, após se irritar com uma mensagem de "bom dia" feita pela companheira nas redes sociais. De acordo com o Boletim de Ocorrência, o vereador humilhou a vítima, afirmando que ela era "vagabunda" e teria saído de uma "família de porcos" (veja aqui).

VOLTAR IMPRIMIR

COMENTÁRIOS

COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do MPopular. Clique aqui para denunciar um comentário.

comentários

coluna popular
"Rouba as coisas da merenda para vender"
No próximo dia 31
Mudanças devido ao coronavírus
Custo de R$ 260 mil
Triagem para imprensa

Últimas Notícias
08.08.2020 - 13:57
08.08.2020 - 10:28
08.08.2020 - 07:14
07.08.2020 - 22:27
07.08.2020 - 20:59




Informe Publicitário