Rotam fecha boca de fumo e apreende arsenal em falso salão de beleza no Cristo Rei | MUVUCA POPULAR

Sábado, 06 de Junho de 2020

POLÍCIA Sexta-feira, 03 de Abril de 2020, 10h:08 | - A | + A




Ação da Rotam

Rotam fecha boca de fumo e apreende arsenal em falso salão de beleza no Cristo Rei

ARSENAL.png

 Foto: Reprodução/PMMT

Um verdadeiro arsenal de guerra foi encontrado dentro de uma residência, no bairro Cristo Rei, na tarde de quinta-feira (2), em Várzea Grande. Aos policiais, nenhum suspeito afirmou para que seriam usadas essas armas, mas a hipótese principal era para crimes de assalto a bancos e carro-forte.  A apreensão seguida de prisão de três pessoas, sendo dois homens e uma mulher, foi efetuada pelos policiais da Rotam, que receberam mensagem anônima falando que um ponto de venda de trocas era disfarçado com a fachada de um salão de beleza. Todos os detidos foram autuados por porte ilegal de arma de fogo, tráfico de drogas e formação de quadrilha.

Na ação policial, foram apreendidos uma espingarda, três fuzis, sendo um MK4, AK, AR-15, uma pistola 380, 961 munições de calibres 7.62, 380, 30, 12; 10, carregadores, uma máquina de cartão e duas porções de maconha embaladas a vácuo, tabletes de pasta base de cocaína, duas balanças e R$ 1,7 mil em dinheiro.

Conforme o boletim de ocorrência, a denúncia apontava um salão de beleza usado de fachada, mas na prática seria uma boca de fumo. Em monitoramento, os policiais viram um homem na frente do imóvel e, ao perceber a presença dos policiais correu, mas foi contido. Ele carregava duas porções de maconha no bolso.   

Dentro da casa, os policiais encontraram grande parte do material apreendido. Questionado, o suspeito levou a equipe a outra residência denominada por ele como ‘paiol’ – reserva de armas da organização criminosa. No imóvel, os policiais encontraram a mulher que seria a responsável em guardar o armamento na companhia de um homem.

Na casa, os agentes encontraram o restante das munições, mais armas de fogo, carregadores e porções de entorpecente. As armas estavam com a sigla da organização criminosa pitada de vermelho.

Via consulta, os militares encontraram no nome de um dos suspeitos detido oito passagens criminas, sendo três por homicídio e 20 boletins de ocorrência em seu desfavor. Já o segundo homem foi encontrado três passagens criminais, sendo uma delas por tráfico de drogas.     

VOLTAR IMPRIMIR

COMENTÁRIOS

COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do MPopular. Clique aqui para denunciar um comentário.

comentários

coluna popular
Nota de Pesar
Fiscalização continua
Assintomático e isolado em casa
Ninguém quer assumir
Números não param de subir

Últimas Notícias
06.06.2020 - 08:00
05.06.2020 - 23:50
05.06.2020 - 22:55
05.06.2020 - 21:46
05.06.2020 - 20:06




Informe Publicitário