Adufmat pede que Mendes tenha mais respeito e mais sabedoria  | MUVUCA POPULAR

Sexta-feira, 07 de Agosto de 2020

POLÍTICA Quinta-feira, 23 de Julho de 2020, 19h:00 | - A | + A




Descaso com a Ciência

Adufmat pede que Mendes tenha mais respeito e mais sabedoria

Governador menosprezou estudo realizado por professores


redacaomuvuca@gmail.com

Mauro Mendes

Foto: Reprodução

Após o governador Mauro Mendes (DEM) comparar um estudo realizada por pesquisadores às previsões da Mãe Dináh, a Adufmat (Associação dos Docentes da Universidade Federal de Mato Grosso ) publicou uma nota pública criticando a falta de respeito e sabedoria do gestor do Estado. 

pesquisa nomeada como “Evolução da Covid-19 em Mato Grosso: panorama atual e projeções para as regiões de saúde”, realizado por professores dos departamentos de Matemática, Saúde Coletiva e Geografia da UFMT foram questionadas por Mendes durante uma entrevista, desrespeitando a ciência e todos os pesquisadores.

Segundo a associação, ao comparar o levantamento com previsões da vidente Mãe Dináh, o governador expôs sua falta de conhecimento sobre o trabalho e sobre os Boletins que a própria Secretaria Estadual de Saúde (SES) divulga regularmente.

“Não bastasse isso, como qualquer graduando mediano sabe, pesquisas trabalham com evidências, não com vidências, portanto, traduzem tendências que “são aproximações da realidade” e servem aos governantes qualificados como recursos excelentes para prover políticas públicas adequadas à preservação da vida e da saúde pública”, diz trecho da nota.

Além disso, a Adufmat ressalta que o estudo foi realizado a partir de dados divulgados pela SES e que, os números apresentaram discrepâncias incompreensíveis, como no caso comparado dos dias 10 e 15 de julho, quando o número de óbitos foi reduzido em 16 municípios, apresentando subtração de 24 mortes no total.

“Parece-nos que nem o espírito de Mãe Dinah explicaria essas discrepâncias por parte da Secretaria subordinada ao Governador Mauro Mendes”, pontuou.

Ademais, o grupo de docentes parabeniza os pesquisadores pelo estudo e pede ao chefe do Estado que tenha “mais respeito pelo conhecimento científico e, se possível, um pouco de sabedoria para utilizar-se das pesquisas que a Universidade Pública tão competente e gentilmente coloca à sua disposição para ajudá-lo na sua gestão”. 

VOLTAR IMPRIMIR

COMENTÁRIOS

(1) COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do MPopular. Clique aqui para denunciar um comentário.

Pesquisadora - 24-07-2020 13:17:02

Parabéns para vcs que reconhecem que houve DESRESPEITO contra a INSTITUIÇÃO, SEUS PESQUISADORES e com a CIÊNCIA.

Responder

0
0


1 comentários

coluna popular
No próximo dia 31
Mudanças devido ao coronavírus
Custo de R$ 260 mil
Triagem para imprensa
Com pneumonia

Últimas Notícias
07.08.2020 - 18:04
07.08.2020 - 18:04
07.08.2020 - 17:27
07.08.2020 - 16:22
07.08.2020 - 16:21




Informe Publicitário