Bolsonaro insulta repórter da Folha com insinuação sexual | MUVUCA POPULAR

Sexta-feira, 10 de Abril de 2020

POLÍTICA Terça-feira, 18 de Fevereiro de 2020, 13h:52 | - A | + A




Polêmica

Bolsonaro insulta repórter da Folha com insinuação sexual

Presidente insultou com insinuação sexual a jornalista Patricia Campos Mello


redacaomuvuca@gmail.com

Bolsonaro terça.jpeg

 Foto: reprodução 

O presidente Jair Bolsonaro insultou nesta terça-feira (18) com insinuação sexual a jornalista Patricia Campos Mello, do jornal Folha de S.Paulo, por causa de reportagens sobre o disparo em massa de fake news no WhatsApp para favorecer o ocupante do Planalto.

“Olha a jornalista da Folha de S.Paulo. Tem mais um vídeo dela aí. Não vou falar aqui porque tem senhoras aqui do lado. Ela falando: 'Eu sou (...) do PT', certo? O depoimento do Hans River, foi final de 2018 para o Ministério Público, ele diz do assédio da jornalista em cima dele", afirmou Bolsonaro, para em seguida, aos risos, fazer o insulto com insinuação sexual.

"Ela [repórter] queria um furo. Ela queria dar o furo a qualquer preço contra mim [risos dele e dos demais]. Lá em 2018 ele [Hans] já dizia que ele chegava e ia perguntando: 'O Bolsonaro pagou pra você divulgar pelo Whatsapp informações?' E outra, se você fez fake news contra o PT, menos com menos dá mais na matemática, se eu for mentir contra o PT, eu tô falando bem, porque o PT só fez besteira", acrescentou ele, em entrevista diante de um grupo de simpatizantes em frente ao Palácio da Alvorada, conforme relato da Folha.

De acordo com Bolsonaro, "tem um povo aqui em referência a um grupo de simpatizantes], alguém recebeu no zap uma matéria qualquer que suspeitou pra prejudicar o PT e me beneficiar? Ninguém recebeu nada. Não tem materialidade, zero, zero zero. Você não precisa mentir pra falar sobre o PT, os caras arrebentaram com Petrobras, fundo de pensões, BNDES...".

A jornalista é a mesma autora de uma reportagem, publicada na campanha de 2018, denunciando uma campanha ilegal contra o então presidenciável Fernando Haddad (PT) financiada por empresas e que teve como base a divulgação de fake-news (notícias falsas) no WhatsApp para favorecer Bolsonaro. A matéria apontou, ainda, que cada contrato chega a R$ 12 milhões e, entre as empresas compradoras, está a Havan.

A fala de Bolsonaro foi uma referência ao depoimento de Hans River do Rio Nascimento na CPMI das Fake News. Ele é ex-funcionário de uma agência de disparos de mensagens em massa por WhatsApp.

Em dezembro de 2018, uma reportagem da Folha, baseada em documentos da Justiça do Trabalho e em relatos do depoente Hans River do Rio Nascimento, apontou que uma rede de empresas, entre elas a Yacows, fez o uso fraudulento de nome e CPFs de idosos para registrar chips de celular e, por consequência, disparar lotes de mensagens em benefício de políticos.

Com informação da Folha de S.Paulo

VOLTAR IMPRIMIR

COMENTÁRIOS

(13) COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do MPopular. Clique aqui para denunciar um comentário.

- 19-02-2020 11:32:37

O que mexe com a libido das mulheres não é a beleza física,é a inteligência . Tanto é que revista de homem nu só vende para gays. Se vive burro, morre burro. Mulheres, lindas e maravilhosas, vocês, amores de todos os HOMENS. Não é homens.

Responder

1
0


Joao Jornalista - 19-02-2020 09:44:23

GENTE esse chapéu foi horrível. NÃO é polêmica, é OFENSA AO JORNALISMO. NÃO passem mais pano para isso. Não caiam nessa.

Responder

3
3


Zé - 19-02-2020 09:34:06

Grobo cobrando bons costumes. Petebas deixem de frescuras. De baitolices, se bem, que isso é coisa de todos comunas mesmo. A moça da a maquininha dela pra quem quiser. O negão deu uma de dificil. KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK!!!!!!!!!!!

Responder

5
4


alexandre - 19-02-2020 08:36:23

mimimi petebas, a imprensa é contra o Bolsonaro e distorce tudo o que ele fala...pegadinha do malandro..

Responder

5
4


maria QUÁ QUÁ QUÁ - 18-02-2020 17:55:16

KKKKK...desqualificado é pouco....nem o exército quis...e virou Capitão Mal Reformado...sem Educação...Baixo Nível....Patife mesmo....mas não há nenhuma surpresa com tudo isso....a Fôlha , a Globo a mídia em geral apoiou ISTO que está ai ....um Degenerado...de linguagem e comportamento CHULOS....quando ISTO abre a bocarra ,é para atacar ,denegrir e degenerar ...não tem a mínima condição de estar no cargo que ocupa...isso era público e notório...mas foi levado pela onda do ÓDIO , e empurrado por Fake News ,e Pastores corruptos e hipócritas...deu no que deu...Brasil desvairado e perdido ,nas mãos do que há de PIOR...valha-nos Deus !!!

Responder

9
5


Tomás - 18-02-2020 15:53:03

Cadê o respeito ? Não parece ser o “presidente “ criado na Igreja família tradicional Brasileira

Responder

10
5


Campos Cezar - 18-02-2020 15:52:00

Isso é porque ele diz que é escolhido por Deus.

Responder

12
4


Vinicius - 18-02-2020 15:50:25

As pessoas dizem o que querem sem pensar na depois não querem ouvir ele só respondeu a altura dela, simples assim

Responder

5
8


Angelo Da Mata - 18-02-2020 15:49:14

Totalmente desqualificado, muito triste ter um presidente assim sem um pingo de respeito

Responder

7
5


Gertudres - 18-02-2020 15:47:44

Ele nunca respeitou as mulheres mesmo mesmo tendo uma filha

Responder

8
5


Elisa Maria - 18-02-2020 15:46:40

Agora o impeachment vem!

Responder

7
5


Tcha - 18-02-2020 15:13:49

Nunca se viu tanta grosseria, palavras chulas, agressividade, falta de compostura, falta de traquejo social e profissional como na atual leva de dirigentes do Brasil, a começar e a culminar com o dirigente máximo. Desconhece ou descumpre deliberadamente o Código de Conduta das Altas Autoridades do Governo Federal. Já cometeram diversas impropriedades e até ilegalidades no trato da coisa pública sob a desculpa de estar "consertando" erros passados. Mas, diz muito sabiamente o ditado popular: "um erro não justifica outro". O que dizer de vários erros? Resta lamentar e aguardar o momento certo de corrigir tamanhas sandices.

Responder

9
5


Carlos Nunes - 18-02-2020 14:36:36

Só faltou concluir Furo...de Reportagem, é claro. Em jornalismo. furo é o jargão para a informação publicada em um veículo antes que os demais. O furo é dado quando um jornalista consegue apurar uma notícia, um fato ou um dado qualquer e publica essa informação sem que os veículos concorrentes tenham acesso a ela. Exemplo: O The Intercept Brasil publicou supostas conversas das autoridades...nenhum outro veículo teve essa fonte. Depois descobriu-se que tia Manuela tinha apresentado os hackers espiões pro gringo americano, depois de mais de 10 reuniões com eles. Resta saber se furo de reportagem pode ser obtido de fontes ilegais, como é o hackeamento de autoridades. Se for legal, dentro da Lei, é bom todo Órgão de Imprensa hackear meio mundo, e publicar o que for captado pelos hackers...Não é crime...é furo de reportagem.

Responder

6
10


13 comentários

coluna popular
Assessor de Jayme Campos
Não está de olho em reeleição
Intuito é que a população monitore contaminados
Pesquisa foi divulgada pela UFMT
Partido se prepara para eleições

Últimas Notícias
10.04.2020 - 07:54
09.04.2020 - 21:54
09.04.2020 - 20:51
09.04.2020 - 20:27
09.04.2020 - 19:18


Carlos Fávaro (PSD)

Coronel Rúbia (Patriota)

Elizeu Nascimento (DC)

Gisela Simona (Pros)

José Medeiros (Podemos)

Júlio Campos (DEM)

Nilson Leitão (PSDB)

Otaviano Piveta (PDT)

Procurador Mauro (PSOL)

Reinaldo Morais (PSC)

Valdir Barranco (PT)

(Nenhum deles)

Feliciano Azuaga



Informe Publicitário