Brasília é sede pela quarta vez do maior encontro de estudantes da América Latina | MUVUCA POPULAR

Sábado, 20 de Julho de 2019

POLÍTICA Quarta-feira, 10 de Julho de 2019, 10h:33 | - A | + A




Conune

Brasília é sede pela quarta vez do maior encontro de estudantes da América Latina

57º Congresso da UNE começa nesta quarta, na Capital Federal


De Brasília (Agência RBC News)

 

A capital da República Federativa do Brasil vai sediar a partir desta quarta-feira (10) o 57º Congresso da UNE (União Nacional dos Estudantes). É a quarta vez que acontecem em Brasília o maior encontro de estudantes da América Latina. O Conune, como também é abreviado, acontece de dois em dois anos para discutir os rumos do movimento estudantil universitário e eleger sua nova diretoria. O evento prosseguirá até domingo, 14.

O congresso também vai se debruçar sobre questões da conjuntura nacional afins e afeitas ao movimento e aos interesses dos estudantes, como as investidas que o atual governo Bolsonaro vem fazendo contra a sobrevivência e autonomia das universidades públicas, com cortes de verbas, ameaças e desrespeitos à democracia nas instituições, como a escolha de reitoras e reitoras a partir de uma lista tríplice. Outros temas nacionais também estão na pauta das manifestações estudantis que acontecerão por ocasião do congresso, como repúdios à reforma da Previdência, ao desemprego e ao genocídio da juventude, em especial dos jovens negros.

“Realizar novamente o Congresso em Brasília, ainda mais neste período de retrocessos em nosso país será simbólico. Simbólico porque mostra que a resistência estudantil permanece viva e pronta para luta. Simbólico porque estaremos próximos ao Congresso, mostrando que os estudantes se organizam para conquistar um futuro melhor, com mais direitos e menos injustiças”, falou a presidenta da UNE, Marianna Dias.

O Congresso da UNE acontecerá em dois espaços em Brasília: na Universidade de Brasília (UnB) e no Ginásio Nilson Nelson. Além dos tradicionais debates e plenárias, acontecerá uma série de shows com artistas locais e nacionais. Está prevista para sexta (12), uma manifestação pela Esplanada dos Ministérios até o Congresso nacional.

Está prevista a participação entre 10 mil a 15 mil estudantes durante todas as etapas do congresso, sendo que 8.100 deles são delegados eleitos pelas entidades de base (DCEs e Cas) nas universidades públicas de todo o país, representando na proporção de um para cada mil estudantes. Os estudantes estão chegando em Brasília de todas as partes do país. De Mato Grosso está vindo uma delegação da Universidade Federal (UFMT) e da Universidade Estadual (Unemat).

A abertura do congresso terá a presença do jornalista Glenn Greenwald, do The Intercept Brasil, que vem revelando a conversas da turma da Operação Lava Jato, os ex-candidatos à Presidência e vices nas eleições passadas, como Fernando Haddad, Ciro Gomes e Guilherme Boulos e a líder indígena Sônia Guajajara e a deputada estadual gaúcha Manuel D’Ávila.

Entre os shows previstos e que acontecerão de 11 a 13 de julho no Ginásio Nilson Nelson, estão: Attooxxa, da Bahia; Duda Beat, de Pernambuco; Leci Brandão, de São Paulo; Vera Veronika, de Brasília; RAPdura Xique-Chico, do Ceará; e a Estação Primeira de Mangueira, do Rio de Janeiro. As apresentações, que estão sendo chamadas de “Festival da Democracia” terão início às 22 horas e as entradas são gratuitas. O Nilson Nelson fica no Eixo Monumental, ao lado do estádio Mané Garrincha.

VOLTAR IMPRIMIR

COMENTÁRIOS

COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do MPopular. Clique aqui para denunciar um comentário.

comentários