Cheques encontrados com conselheiro do TCE somam quase R$ 10 mi | MUVUCA POPULAR

Quinta-feira, 29 de Outubro de 2020

POLÍTICA Segunda-feira, 03 de Agosto de 2020, 08h:28 | - A | + A




Operação Ararath

Cheques encontrados com conselheiro do TCE somam quase R$ 10 mi

Informação consta na decisão do ministro Dias Toffoli


redacaomuvuca@gmail.com

 

Os cheques apreendidos durante a 16ª da Operação Ararath, no escritório da empresa Office Consultoria e Governança Tributária Ltda, que tem como sócios o advogado Emanoel Gomes Bezerra Júnior e Júlio Teis, filho do conselheiro afastado do TCE/MT, Waldir Teis, totalizam R$ 9,8 milhões.

A informação consta na decisão do ministro Dias Toffoli, presidente do STF, que determinou a soltura de Teis sob alegação de que o conselheiro faz parte do grupo de risco em relação à pandemia da covid-19. Além dos R$ 455 mil em cheques que foram apreendidos quando o conselheiro os amassou e jogou na lixeira, também foram encontrados canhotos anotados.

“Quatro com anotações no valor de R$ 100 mil e um em que está escrito o pagamento de R$ 3,8 milhões, totalizando gastos que somam R$ 4,2 milhões”, diz trecho da decisão.

A decisão ainda revela que os policiais federais encontraram 13 canhotos de cheques anotados, que foram emitidos em 2019, sendo “8 canhotos (cheques nº 412 a 419), cada um com anotação de pagamentos de R$ 155 mil”.

“Destaca-se ainda o canhoto do cheque nº 420, com valor de R$ 3,9 milhões. Toda essa documentação, imprescindível à demonstração da lavagem de capitais pela organização criminosa, seria perdida, caso Waldir Teis tivesse completo sucesso em sua empreitada”, diz trecho da alegação do Ministério Público Federal (MPF).

A Operação Ararath investiga esquema de corrupção, lavagem de dinheiro, financiamento clandestino de campanhas eleitorais e enriquecimento ilícito, entre 2006 a 2014, envolvendo políticos, empresários e bancos em Mato Grosso.

O MPF investiga o patrimônio dos conselheiros desde 2017, quando o ex-governador Silval Barbosa firmou delação premiada e confessou que havia selado um acordo com membros do TCE-MT para que ele pagasse R$ 53 milhões a título de propina em 2013.

(Com informações do Jornal A Gazeta

VOLTAR IMPRIMIR

COMENTÁRIOS

(4) COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do MPopular. Clique aqui para denunciar um comentário.

Nilza - 03-08-2020 11:56:53

MEU PAI SEMPRE FALAVA QUE O ÚNICO LUGAR PARA OS CORRUPTOS DO ERÁRIO PUBLICO É NA CADEIA.

Responder

1
0


Elton - 03-08-2020 10:33:32

Esse país nosso é uma piada do ponto vista político

Responder

1
0


Jefersson - 03-08-2020 10:31:53

hummm....menino sortudo com dinheiro e azarado com a policia kkkkkkkkkkkkkk

Responder

1
0


Alex r - 03-08-2020 09:17:46

Conselheiros corruptos por isso não tem como dar RGA para servidores ...

Responder

0
0


4 comentários

coluna popular
Estelionatários
Vida dedicada ao funcionalismo
Reeleição
Cuidado!
‘Para poucos e bons’

Últimas Notícias
28.10.2020 - 22:20
28.10.2020 - 21:13
28.10.2020 - 20:07
28.10.2020 - 19:00
28.10.2020 - 18:09


Muvuca (PL)

Adevair Cabral (PTB)

Chico 2000 (PL)

Misael Galvão (PTB)

Ricardo Lobo (PL)

Aladir (PL)

Sargento Joelson (SD)

Juca do Guaraná (MDB)

Luluca Ribeiro (MDB)

Macrean

Renivaldo Nascimento

Toninho de Souza

Edna Sampaio (PT)

Robson Cireia (PT)

Ricardo Saad

Oseas Machado (MDB)

Rogério Varanda

Alex Ribeiro (PP)

Maurélio (PSDB)

Dudu Santos

Marcelo Bussiki

Vinícyus Clovito

Diego Guimarães

Mário Nadaf

Marcos Veloso

Gisele Almeida

Orival do Farmácia

Wilson Kero-Kero

Dr. Xavier

Justino Malheiros

Zidiel Coutinho

Sargento Vidal

Dídimo Vovô

Clebinho Borges

Júlio da Power

Jamilson Moura

Emídio de Souza (PSL)

Adalberto Cavalcanti

Ricardinho

Kako do CPA

Dilemário Alencar

Max Campos (PSB)

Cezinha Nascimento

Edienes Hadassa

Dr Luiz Fernando

PF Rafael Ranalli

Gabriel Henrique

Itamar Jefferson (PL)

Cristiano Paraqueda

Sebastião Moraes

Daniel

Justino Campos

Rafael "Faré"

Darley Gonçalves

Osmar Rodrigues "Chefinho"

Elenir Pereira

Prof.instrutor Joaquim Neto

Diogo Fernandes

Ade Silva

Sargento Ozeni

Dito Paulo

Paulo Macedo

Luiz BA

Professor Frankes

Paulo da VGDI

Valdemir MM

Weto Salgado

Dr. Daúde

Bob Medina

Wagner Vinícius

Luis Carlos

Carlos Henrique do Correio

Adv Cris

Elenir Pereira

Zé Carlos

Luis Cláudio

Huelton Souza

Rosenil Luiz (Canelinha de pacu) (PL)

Sargento Ozeni

Luiz Poção (PL)

Edilson Odilon (PL)

Paulinho CPA

Germânio Araújo

Chico do Leblon

Delegado Garcia

Renato Anselmo

Cleber Adôrno

Doidinhoducorte

Neno do Pascoal Ramos

Prof. Jorginho

Itamar Carvalho

Sidney de Souza

Marquinhos Carioca

Renato Anselmo

Pablo Queiroz

Pastor Jeferson

Paulo do Carmo

Vinícius Pardi

Aroldo Telles

Marcus Brito Jr.

Elzio Xaulin

Ledevino Conceição

Elias Santos

Edmilson Carmo

Gato Louco

Nilda Tosca



Informe Publicitário