“É muito bom saber que está chegando ao fim”, diz primeira enfermeira vacinada em MT  | MUVUCA POPULAR

Terça-feira, 02 de Março de 2021

POLÍTICA Segunda-feira, 18 de Janeiro de 2021, 21h:49 | - A | + A




Covid-19

“É muito bom saber que está chegando ao fim”, diz primeira enfermeira vacinada em MT

Profissional atua na linha de frente do combate ao vírus no Hospital Metropolitano


redacaomuvuca@gmail.com

0565A948-D6B9-4253-B108-6E61DA643A26.jpeg

Foto: Assessoria

A técnica de enfermagem do Hospital Metropolitano, localizado em Várzea Grande, região metropolitana de Cuiabá, Luiza Batista de Almeida Silva, de 43 anos, foi a primeira trabalhadora da saúde a ser vacinada contra o coronavírus em Mato Grosso.

"É muita alegria em saber que está chegando ao fim essa luta. Chegou ao fim toda essa tristeza", disse Luiza.
Atualmente, a profissional atua na linha de frente do combate ao vírus, mais precisamente na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) Covid-19 do hospital de referência do estado.

O ato contou com a presença do governador Mauro Mendes, da primeira-dama Virginia Mendes, do secretário de Saúde, Gilberto Figueiredo, e demais autoridades.

"Ainda temos um longo caminho até que a vacina chegue para todos os mato-grossenses. O Ministério da Saúde ainda não nos informou quando será liberado um novo lote, mas acreditamos que até o final deste mês seja liberado", afirmou o governador.

No total, sete profissionais da saúde, sendo eles do Hospital Metropolitano, do Samu, Santa Casa e do Adauto Botelho, foram vacinados nesta segunda-feira.

Veja a lista abaixo:
Luiza Batista de Almeida, técnica de enfermagem do Metropolitano

Angelina Galvan, técnica em enfermagem do Metropolitano

Luciele Benin, enfermeira do Samu

Dante Miraglia, fisioterapeuta Santa Casa

Rosângela Ushizima, enfermeira do Adauto Botelho

Joel Rodrigues da Silva, enfermeiro da Santa Casa

Carla Marques Rondon Campos, médica do Centro de Referência de Imuno Biológico Especial

Mato Grosso recebeu 126.160 doses para atender o público alvo da primeira fase da campanha. Serão cerca de 60 mil pessoas vacinadas, com as duas doses, dentre elas indígenas.

VOLTAR IMPRIMIR

COMENTÁRIOS

(1) COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do MPopular. Clique aqui para denunciar um comentário.

Carlos Nunes - 19-01-2021 08:43:18

Será??? Ou melhor diizendo: DEUS te ouça. Na dúvida, é melhor todo mundo assistir o vídeo "Dra. Nise Yamaguchi relata os riscos da vacina contra a Covid-19". Segundo ela, por Falta de Tempo, os pesquisadores queimaram a Fase Pré-clínica da vacina, foram pra Fase 1, pularam a Fase 2 e foram pra Fase 3. Se fossem os "acadêmicos" que tivessem feito as Vacinas, eles, junto com as Vacinas, seriam reprovados. Mas (sempre tem um mas na estória) como disque foram OS CIENTISTAS, tudo é permitido. Portanto vamos aguardar pra ver o que acontecerá...Com um olho no Gato e outro no peixe do aquário, senão o peixe come o Gato. 2021 será conhecido como O ANO DAS COBAIAS, nós é claro. A Humanidade inteira.

Responder

1
1


1 comentários

coluna popular
Deputado apareceu sentado em sessão
Vitima da covid
Medidas mais severas
Em busca da vacina
Governador não dá exemplo

Últimas Notícias
02.03.2021 - 15:47
02.03.2021 - 15:44
02.03.2021 - 15:41
02.03.2021 - 15:40
02.03.2021 - 15:38




Informe Publicitário