Fotógrafo diz que Abílio queria colocar quadrilha dentro da Assembleia de Deus  | MUVUCA POPULAR

Terça-feira, 26 de Janeiro de 2021

POLÍTICA Segunda-feira, 23 de Novembro de 2020, 17h:33 | - A | + A




Denúncia Polêmica

Fotógrafo diz que Abílio queria colocar quadrilha dentro da Assembleia de Deus

O homem ainda disse que o político usou o templo como púlpito para se eleger em 2016


redacaomuvuca@gmail.com

PhotoGrid_1606164188450.jpg

Foto: Montagem

“Estou revoltado pelo que aconteceu comigo dentro do ministério” diz o empresário e fotógrafo Nilo Cortez em um vídeo divulgado por meio de suas redes sociais, em que ele acusa o vereador e candidato à prefeitura de Cuiabá, Abílio Junior (Podemos), de “dar um calote” nele de R$ 3.500 reais. O denunciante citou ainda que o político queria colocar uma “quadrilha” dentro do Grande Templo.

Repudiando a campanha do candidato, Nilo diz que Abílio “não tem temor a Deus”. O fotógrafo que não citou ano específico disse que teria feito um trabalho na Umadecre (evento religioso realizado nos mesmos dias do Carnaval) nesta situação, o profissional teria ido cobrar o vereador, que ficou responsável pelo pagamento. Porém, o parlamentar teria dito a ele que não ia o pagar e ainda o taxou de “incompetente” e “irresponsável”.

Segundo a denúncia do homem, o político que atualmente posa de ‘bom samaritano’ não quis o pagar pois queria colocar pessoas próximas a ele para realizar os trabalhos que Nilo fazia dentro da comunicação e outros setores da igreja.

“Ele queria colocar uma quadrilha dele dentro do Grande Templo, um cartel. O Abílio tem um cartel dentro do ministério da Assembleia de Deus. E essa quadrilha dele, esse pessoal que é puxa saco dele são o pessoal que transmite os cultos ao vivo dentro da igreja sede em Cuiabá (...) ele não queria que eu fizesse”, disparou o fotógrafo.

Ainda no mesmo vídeo, o homem que também se diz como membro da religião afirmou que os pastores, tidos como líderes dentro do templo era coagidos a votar no candidato, que hoje tem um espaço na Câmara Municipal da Capital.

“Infelizmente esse Abílio que vocês da Assembleia acham que é santo, ele usou o púlpito das igrejas para fazer a campanha para vereador, por livre e espontânea pressão, do nosso pastor falecido já Sebastião Rodrigues, que obrigou os pastores a votar nele, eu disse obrigou”, concluiu o homem.

Antes de finalizar a denúncia, Nilo Cortez ainda pontuou que com a morte do pastor responsável pelas organizações, teria sido “expulso” do ministério pelo pai de Abílio, que seria responsável pela parte de obras do escritório. Sobre isso, nenhum motivo específico foi dado a ele.

Confira o vídeo da denúncia:

VOLTAR IMPRIMIR

COMENTÁRIOS

(6) COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do MPopular. Clique aqui para denunciar um comentário.

Viviane Souza - 25-11-2020 14:05:50

Eu conheço bem o Abilio, ele não isso q esse Nilo Cortez está dizendo, Abilio é homem honesto, sincero, temente a Deus, ele vai ganhar sim em nome de Jesus, esse Nilo Cortez vai ter q engolir o Abilio durante 4 anos na prefeitura de Cuiabá .

Responder

0
1


Josino - 24-11-2020 10:17:51

Esse cara tá fazendo denuncia que não tem pé nem cabeça fica procurando terra nas nuvens não vai encontrar parece que tá si doendo pelo palito vai pegar o batomucho junto o abilio e cara sério não mexe com dinheiro de igreja . O cara e vereador combateu a corrupção todo mundo viu vamos parar de ser demagogo dia 29 e 19

Responder

1
4


Wagner - 24-11-2020 09:56:05

QUEM MANDAVA NÃO ERA O ABELHO...KKK...MAS QUEM MAIS USAVA ERA O ABILIO....SOBRAS DE DIZIMOS.. E ATÉ MOTEL...MOTEL EVANGELIZADO...ENERGIZADO....LGBT...

Responder

2
1


alexandre - 24-11-2020 08:42:17

Quem conhece a igreja, sabe que quem mandava não era o Abilio, tem gente maior..

Responder

0
2


Observador - 23-11-2020 19:17:17

Esse tipo de matéria agora é no mínimo duvidosa! E surte efeito contrário! Abílio cresce nas pesquisas a cada tentativa sorrateira como essa

Responder

9
17


Carlos Nunes - 23-11-2020 18:30:03

Ih! A turma tá é anarquisando a Assembleia de Deus, uma das Igrejas mais respeitáveis e séria de Cuiabá. De repente tão dizendo que tio Abilinho fez de tudo dentro da Igreja...Mas qual era a função dele dentro da Igreja, que mandava e desmandava? Cartel dentro da Assembleia de Deus...é demais...O pessoal desconhece como funciona as Igrejas, ninguém manda sózinho...tem vários pra tomar decisões conjuntas. Tudo é controlado...entrada de dízimos, aplicação, etc. Fica parecendo que tio Abilinho era o dono da Igreja. Fake News...Ninguém obriga pastor a votar em ninguém...Vota quem quiser. Fica parecendo que os Pastores, pregadores do Evangelho, se deixam manipular...Tio Cortez anarquisou com a Assembleia de Deus e com os pastores da Igreja. Por que será que tio Abilinho o chamou de incompetente e irresponsável? O que será que ele fez, que não contou? Tem que perguntar isso pro tio Abilinho, uai.

Responder

10
8


6 comentários

coluna popular
Em 6 meses
Possível candidato a deputado estadual
"Gestão frutífera"
Covid-19
Bom senso

Últimas Notícias
26.01.2021 - 17:29
26.01.2021 - 17:00
26.01.2021 - 16:49
26.01.2021 - 16:42
26.01.2021 - 16:25




Informe Publicitário