Mauro Mendes diz que aumento de preços é pressão que não funciona com o governo | MUVUCA POPULAR

Sábado, 11 de Julho de 2020

POLÍTICA Sábado, 21 de Dezembro de 2019, 14h:35 | - A | + A




Minirreforma Tributária

Mauro Mendes diz que aumento de preços é pressão que não funciona com o governo

Setores anunciaram aumento de até 37% no preço de alguns produtos


redacaomuvuca@gmail.com

Reprodução

 

O governador Mauro Mendes (DEM) diz que o governo não está interessado em decretar novas cargas tributárias no Estado e que aumento é pressão. Várias empresas subiram os preços em até 34% no valor final de alguns produtos por conta da minirreforma tributária que entrou em vigor este ano no estado.

“Cada um sabe o que faz. As pessoas têm o direito [de subir os preços], assim como o consumidor também vai ter o direito da livre concorrência e de buscar o menor preço. Agora, o que aumenta de imposto é muito menor do que alguns estão dizendo que vai aumentar no preço. Esse tipo de pressão não funciona com o Governo e não haverá nenhum tipo de mudança nas medidas que foram implementadas até o momento”, declarou o governador, na noite desta sexta-feira (20).

Apesar de não ter criado novos tributos, a minirreforma modificou alíquotas do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) para alguns setores e começa a valer a partir do dia 1º de janeiro. Entretanto, setores como o agronegócio e a produção de algodão permaneceram com isenção fiscal. De acordo com Mendes, a mudança vai gerar uma arrecadação de R$ 500 milhões em 2020.

Empresas do ramo de construção como Village Construção e Acabamento, Grupo Modelar, Comapa Construção e Acabamento, Serpal, Verdão Construção e Acabamento, Grupo Monza Tintas, enviaram comunicados informando que algumas mercadorias podem ter um acréscimo de 10% a 25%, podendo chegar até 30% em alguns casos.

O setor farmacêutico já afirmou que os preços também serão alterados. O Sindicato do Comércio Varejista de Produtos Farmcêeuticos de MT disse que o aumento pode chegar entre 18% e 37% no valor dos medicamentos.

VOLTAR IMPRIMIR

COMENTÁRIOS

COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do MPopular. Clique aqui para denunciar um comentário.

comentários

coluna popular
Trabalhando candidatos à vereador
Passa dos mil óbitos
Movimento cobra Seduc para nomear professores
Rondonópolis
Nesta sexta

Últimas Notícias
11.07.2020 - 14:00
11.07.2020 - 10:03
11.07.2020 - 08:33
11.07.2020 - 08:24
11.07.2020 - 08:01




Informe Publicitário