MPE investiga risco de desabamento em primeiro shopping de Cuiabá | MUVUCA POPULAR

Sábado, 04 de Abril de 2020

POLÍTICA Sexta-feira, 28 de Fevereiro de 2020, 09h:40 | - A | + A




Edifício Nicolina

MPE investiga risco de desabamento em primeiro shopping de Cuiabá

Portaria informou que há risco de desabamento


redacaomuvuca@gmail.com

 Foto: reprodução 

Ministério Público de Mato Grosso (MPE) abriu investigação para apurar irregularidades estruturais no Edifício do Comercial Shopping Cuiabá, Residenciais Nicolina de Oliveira e João Alfredo de Oliveira, localizados na rua Barão de Melgaço, centro da capital. A área é conhecida da população sob o simbolismo de ter recebido o primeiro shopping de Cuiabá.

Segundo informado na portaria, há risco de desabamento.

A promotoria de Justiça tomou conhecimento, a partir de reclamação registrada via ouvidoria, de que o Edifício Nicolina de Oliveira estaria há anos padecendo com diversas irregularidades estruturais, em especial, no subsolo do prédio.

Segundo informações da Diretoria de Proteção e Defesa Civil, após solicitação ministerial, restou constatado que, de fato, o imóvel apresentaria inúmeras patologias na infraestrutura do subsolo que “demandariam intervenção premente com a execução de contenção das infiltrações e retificação de pilares, vigas e lajes”.

Segundo o MPE, “a Defesa Civil instaurou o registro de ocorrência “que concluiu pela necessidade da contratação de engenheiro estrutural e profissionais habilitados para avaliação pericial e execução das obras no edifício em caráter imediato, tendo em vista o agravamento progressivo das patologias constatadas que podem levar a peças à ruína total e, consequentemente, ao desabamento do edifício”.

Ainda conforme o órgão ministerial, a síndica do prédio foi notificada a “dar publicidade aos condôminos sobre o real estado de conservação e risco de perigo aos usuários e condôminos mediante Assembleia Geral, bem como, a dispor de orçamentos elaborados por empresas contratadas para a execução das obras”.

“O objetivo do presente Inquérito Civil é investigar as irregularidades estruturais no Edifício do Comercial Shopping Cuiabá e Residenciais Nicolina de Oliveira e João Alfredo de Oliveira, de acordo com os ditames legais mencionados alhures, buscando medidas resolutivas a serem adotadas, de modo a salvaguardar primordialmente a segurança dos moradores, bem como, a coletividade no entorno que poderá ser afetada”, explicou o promotor de Justiça.

Portaria foi assinada pelo promotor de Justiça Miguel Slhessarenko Júnior no dia 27 de fevereiro.

VOLTAR IMPRIMIR

COMENTÁRIOS

COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do MPopular. Clique aqui para denunciar um comentário.

comentários

coluna popular
Dados oficiais
Novas medidas para Cuiabá
Ação foi movida pelo PT
Ação aconteceu após o banho de sol
Jânio Calistro deixou o PSD

Últimas Notícias
04.04.2020 - 08:03
03.04.2020 - 22:18
03.04.2020 - 21:38
03.04.2020 - 20:16
03.04.2020 - 19:52


Carlos Fávaro (PSD)

Coronel Rúbia (Patriota)

Elizeu Nascimento (DC)

Gisela Simona (Pros)

José Medeiros (Podemos)

Júlio Campos (DEM)

Nilson Leitão (PSDB)

Otaviano Piveta (PDT)

Procurador Mauro (PSOL)

Reinaldo Morais (PSC)

Valdir Barranco (PT)

(Nenhum deles)

Feliciano Azuaga



Informe Publicitário