Prefeito esclarece adiamento da obra de Hospital Veterinário | MUVUCA POPULAR

Sexta-feira, 10 de Abril de 2020

POLÍTICA Segunda-feira, 17 de Fevereiro de 2020, 14h:07 | - A | + A




"Manchinha"

Prefeito esclarece adiamento da obra de Hospital Veterinário

Confusão deve ser esclarecida em 20 dias


redacaomuvuca@gmail.com

esclarecimento prefeito hospital veterinário.jpg

 

O prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro (MDB), esclareceu em suas redes sociais, o adiamento da obra do primeiro Hospital Veterinário Municipal - ‘Manchinha’ (HVM). O lançamento estava marcado para esta segunda-feira (17), no entanto, um suposto dono apareceu no local reivindicando a área, o que levou o prefeito a suspender o evento, nesta manhã, para esclarecer esta situação de forma administrativa ou até na justiça, se for o caso.

O terreno que será construído o HVM fica em frente ao Cemitério Parque Bom Jesus, na Rodovia Palmiro Paes de Barros. Local que o empresário Luiz Alberto Gebrim interrompeu a cerimônia de lançamento alegando ser o proprietário do terreno, desde 2010. Perante a confusão, o evento foi cancelado.

O “Manchinha” será a primeira obra 100% pública que vai acolher um hospital e pronto socorro veterinário para atender, gratuitamente, gatos e cachorros com exames laboratoriais, consultas e cirurgias.

O local também vai abrigar a sede da Diretoria de Bem-Estar Animal, que é vinculada à Secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento Urbano. A estrutura vai contar com três consultórios, área para animais hospitalizados, área de controle emergencial, sala de raio-x, laboratório de análises clínicas e sala de cirurgia.

Após lançado, o prazo de entrega do HVM será de 150 dias. No entanto, até que este fato seja esclarecido, que deve durar até 20 dias para ser solucionado.

De acordo com o prefeito, a área é pública, conforme o controle interno da prefeitura. No entanto, também ressalta que é muito comum, em várias regiões de Cuiabá, pessoas aparecerem, tempos depois, reivindicando a posse de determinada área, alegando ser de sua propriedade, até com documentos em mãos, como aconteceu com o terreno do Hospital Veterinário.

Confira o esclarecimento

“Estou passando aqui para esclarecer uma situação para vocês.

Hoje era o dia do lançamento do tão sonhado Hospital Veterinário Municipal da nossa capital. A primeira obra 100% pública que vai acolher um Hospital e Pronto Socorro Veterinário, certo, para todos aqueles que amam, como eu, a causa animal.

Entretanto, na hora do lançamento da obra, a área que fica ali em frente ao Cemitério do Parque Cuiabá, apareceu um suposto proprietário alegando que a área era dele, era de direito privado, e que a prefeitura não poderia estar fazendo aquele lançamento.

Bom, imediatamente, até pelo princípio da boa fé, do contraditório e da ampla defesa. Boa fé do munícipe, inclusive, imediatamente eu suspendi o lançamento da obra, até que esta situação seja, toda ela, esclarecida.

Aqui em Cuiabá é muito comum esta luta por áreas públicas. É muito comum, em todas as regiões da cidade, pessoas aparecerem tempos depois, até com documentos em mãos, como é o caso, alegando, que aquela área, que no nosso controle aqui da prefeitura é tida como pública, na verdade é de propriedade particular.

Então, isso é muito comum. Mas, então, para não ficar, para não cometer aí uma injustiça, um mal estar desnecessário, 10, 15, 20 dias, não vai alterar em nada o lançamento desta obra e nem o nosso projeto e o nosso comprometimento com a defesa animal. Então, eu determinei, achei por bem suspender o lançamento, hoje; esclarecer esta situação de forma administrativa ou até na justiça, se for o caso.

Então, com isso, eu só estou adiando o lançamento desta grande obra, mas não estou, em hipótese alguma, comprometendo o nosso sonho, de fazer de Cuiabá um case de sucesso, em defesa, em proteção aos nossos animaizinhos. Então fiquem tranquilo, em breve voltarei com novidades sobre o assunto. Um abração!”

VOLTAR IMPRIMIR

COMENTÁRIOS

(4) COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do MPopular. Clique aqui para denunciar um comentário.

Paquetá - 18-02-2020 07:22:36

É bem da índole do sr. PALETÓ, fazer isso mesmo: invadir, se apropriar do bem alheio! Tentou, mas a cara de tacho, de gato molhado com que ficou, se bem que não sei como, pois vergonha na cara, ética, caráter, esse aí não tem!

Responder

0
0


Raimundo - 17-02-2020 16:25:27

Nossos anjinhos de patas agradecem, espero que seja breve a conclusão.

Responder

1
0


Emile - 17-02-2020 16:24:44

É a galera está feliz com isso. Mas falta remédio e atendimento ao humanos, imagina para os animais!

Responder

1
3


Lais - 17-02-2020 16:23:55

Parabéns prefeito

Responder

1
0


4 comentários

coluna popular
Assessor de Jayme Campos
Não está de olho em reeleição
Intuito é que a população monitore contaminados
Pesquisa foi divulgada pela UFMT
Partido se prepara para eleições

Últimas Notícias
09.04.2020 - 21:54
09.04.2020 - 20:51
09.04.2020 - 20:27
09.04.2020 - 19:18
09.04.2020 - 18:50


Carlos Fávaro (PSD)

Coronel Rúbia (Patriota)

Elizeu Nascimento (DC)

Gisela Simona (Pros)

José Medeiros (Podemos)

Júlio Campos (DEM)

Nilson Leitão (PSDB)

Otaviano Piveta (PDT)

Procurador Mauro (PSOL)

Reinaldo Morais (PSC)

Valdir Barranco (PT)

(Nenhum deles)

Feliciano Azuaga



Informe Publicitário