The news is by your side.

Secretária quer barreira no Aeroporto Marechal Rondon contra invasão de variante indiana

As rodoviárias de Cuiabá e o Aeroporto Marechal Rondon, em Vázea Grande, podem passar a ter barreiras sanitárias e triagem de passageiros que chegam à região metropolitana de Mato Grosso, para evitar a propagação da variante indiana de coronavírus.

A medida deve ser discutida nesta semana com o secretário de Saúde de Várzea Grande e a Secretaria Estadual de Saúde, que considera a ação urgente.

A secretária defende a implantação de diversos protocolos que já estão sendo usados em outros aeroportos. A preocupação principal é aplicar as medidas a passageiros que vêm de estados ou países onde há incidência da variante indiana.

Se vai haver aplicação de testes covid, separação de passageiros em desembarque, desinfecção ou acompanhamemto epidemiológico vai depender do entendimento entre os gestores das pastas de Saúde.

Informações: Conexão Poder

Comentários

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar consulte Mais informação