The news is by your side.

Governador: “MT É Um Estado Equilibrado, Que Investe E Honra Compromissos”

Quem olhar para trás e lembrar da situação de Mato Grosso há pouco menos de três anos pode, hoje, considerar que vive em outro Estado.

Crise econômica e fiscal, salários atrasados, dívidas de R$ 3,5 bilhões com fornecedores, máquina inchada e sem capacidade de investimento… Essas eram apenas algumas das mazelas que assolavam Mato Grosso.

Quase três anos após o início da sua gestão, o governador Mauro Mendes (DEM) comanda uma máquina “azeitada”, mais leve e com investimentos pesados nas áreas estratégicas.

Ele afirma que o novo cenário só é realidade por causa das duras decisões administrativas e fiscais tomadas desde o início da gestão.

Além de um programa agressivo de investimentos, Mendes – em meio a uma crise generalizada no país – surpreendeu com o anúncio “histórico” de cortes de impostos da ordem de R$ 1,2 bilhão, nas áreas de combustíveis, energia e transportes, entre outros.

“Hoje, os números já mostram um Estado equilibrado, que há quase dois anos paga os salários em dia, paga fornecedores em dia, honra seus compromissos e realiza o maior programa de investimentos de sua história – e um dos maiores do Brasil”, disse.

“Já é um Estado muito melhor. E é assim que eu quero chegar ao final de 2022”, acrescentou.

Comentários

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar consulte Mais informação