The news is by your side.

Drag queen é assassinada e tem corpo jogado em brejo de MT

 

Corpo encontrado em estágio avançado de decomposição em uma área alagada às margens de uma estrada vicinal, que dá acesso a Comunidade Linha do Barroso, em Juína (735 km ao Noroeste de Cuiabá), foi identificado como Rogério Diego dos Santos, 28. Ele era artista e se apresentava como drag queen na cidade, com a persona de Julya Madson.

As informações são do site Juína News, que na madrugada de sábado (13) divulgou que o corpo foi encontrado caído no local por testemunhas. Foi necessária a ajuda do Corpo de Bombeiros para a retirada da vítima da área do brejo.

Consta que a morte pode ter ocorrido há 3 ou 4 dias e que o corpo foi apenas deixado na localidade. Após ser recolhido pelos bombeiros, o cadáver foi encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML), sendo reconhecido pela família na manhã de sábado.

Polícia Civil da cidade já abriu um inquérito para investigar a motivação da morte e ao que tudo indica, Rogério foi morto a facadas. O caso está em andamento.

Arte e militância

Rogério Diego atuou na Casa da Cultura de Juína durante a última gestão da Prefeitura Municipal. Nas redes sociais, era bastante ativo e fazia da rede uma janela para debates políticos em prol da causa LGBTQIA+ e da cultura e direitos da população negra.

Ainda como Julya Madson, sua drag, também pisava no palco para cantar, dançar e levar humor por onde passava. Dizia que para ser artista bastava um palco “Cantar é minha vida, mas resumidamente faço muito humor, alias meu dia-a-dia é humor!”, dizia ele na sua rede social.

Amigos já lamentam a partida. “Não consigo acreditar que fizeram isso com você, uma pessoa tão incrível, que venceu tantos obstáculos para chegar aonde chegou… Realmente, a maldade do ser humano é abominável. Descanse em paz”, disse um deles.

 

Reprodução

Nota de Pesar

A juventude do Partido dos Trabalhadores (PT) de Juína divulgou uma nota lamentando o assassinato de Julya, que era “jovem artista, negra, LGBT, que encantava o mundo com sua arte”. Leia baixo a nota na íntegra.

 

“A Secretaria Estadual da Juventude do PT (JPT-MT) e a Juventude do PT do Município de Juina (JPT-Juina), lamenta profundamente o falecimento da companheira Julya Madsan. Na manhã de 13 de novembro de 2021, recebemos com grande tristeza a notícia do falecimento da companheira Julya Madsan. Jovem artista, negra, LGBT, que encantava o mundo com sua arte. Nesse momento de imenso pesar, nós externamos os nossos sentimentos de solidariedade com a família e amigos da nossa estimada companheira. 

Descanse em paz! 

Julya Madsan, presente!”

 

Comentários

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar consulte Mais informação