The news is by your side.

Para reduzir custos, Globo vende sede histórica em São Paulo

Conglomerado de mídia vive momento de crise

Da Redação

 

O Grupo Globo vendeu sua sede histórica na cidade de São Paulo. A emissora assinou um contrato de sale & leaseback com a gestora Vinci Real Estate para continuar a ocupar o espaço pelos próximos 15 anos — com a possibilidade de renovar por outros 15. O objetivo é reduzir custos, segundo informações do site Janela Publicitária.

O valor total da aquisição é de R$ 522 milhões, o que equivale a um preço de R$ 13.369 por metro quadrado da sede localizada no Brooklin, bairro nobre da capital paulista. O prédio abriga o famoso “estúdio glass”, com vista para a Ponte Octávio Frias de Oliveira (conhecida como estaiada), de onde são transmitidos o Bom Dia SP, o SP1 e o SP2.

Ao todo, são cerca de 39 mil metros quadrados de área bruta e 56 mil de área construída, em um terreno com mais de 43 mil metros quadrados. O local ainda conta com três módulos de produção, área de apoio, dois helipontos, aproximadamente 1,5 mil vagas de estacionamento entre subsolos e estacionamento externo.

Nota da Globo

“Como tem falado de forma recorrente, a Globo está em pleno processo de revisão do seu modelo operacional, implementando medidas que visam apoiar a transformação da empresa em sua estratégia D2C. Neste sentido, a empresa vem buscando ampliar a sua eficiência através da captação de novas fontes de receita, da racionalização na gestão de custos e da ampliação da sinergia entre suas operações, gerando valor em tudo o que faz. A operação de sale & leaseback da sede da Globo em SP é parte da estratégia de tornar a empresa mais leve, ágil e flexível.”
Comentários

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar consulte Mais informação