The news is by your side.

Fifa anunciará nesta segunda o vencedor do prêmio de melhor jogador do mundo

 

 

A Fifa anuncia nesta segunda-feira o vencedor do prêmio de melhor jogador do mundo na temporada 2020/21. Lewandowski, Messi e Salah são os finalistas da vez no The Best, que terá cerimônia sem presença de público em Zurique, na Suíça.

Antes da decisão oficial, o ge perguntou a 50 jornalistas da redação da Globo quem deveria ficar com o tão cobiçado prêmio. Em disputa muito acirrada com Messi – que ganhou mais votos para o primeiro lugar -, Lewandowski levou a melhor na pontuação. Salah ficou em terceiro (veja abaixo).

 

Pontos na votação da redação da Globo para o The Best

Primeiro de cada lista ganha 5, segundo leva 3 e terceiro recebe 1

Lewandowski: 180

Messi: 178

Salah: 92

O camisa 9 do Bayern de Munique foi o vencedor do The Best 2019/20. Com esta nomenclatura, o prêmio é entregue desde 2016. Cristiano Ronaldo ganhou duas vezes, e Modric e Messi uma cada. O argentino venceu a Bola de Ouro 2021 e tem outros cinco prêmios de melhor do mundo no currículo.

Melhores do mundo eleitos pela Fifa

Lionel Messi (2009, 2010, 2011, 2012, 2015 e 2019)

Cristiano Ronaldo (2008, 2013, 2014, 2016 e 2017)

Zidane (1998, 2000 e 2003) e Ronaldo (1996, 1997 e 2002)

Ronaldinho Gaúcho (2004 e 2005)

Lewandowski (2020), Modric (2018), Kaká (2007), Cannavaro (2006), Figo (2001), Rivaldo (1999), George Weah (1995), Romário (1994), Roberto Baggio (1993), Van Basten (1992) e Lothar Matthäus (1991)

O período de avaliação estipulado pela Fifa vai de outubro de 2020 a agosto de 2021. Fazem parte da votação técnicos e capitães representantes de seleções, jornalistas e público.

Além do prêmio de melhor jogador no futebol masculino, a Fifa também anuncia a melhor jogadora, os melhores técnicos, o melhor goleiro e a melhor goleira. O vencedor do prêmio Puskás de gol mais bonito também será conhecido. Confira os outros nomes na disputa:

Melhor jogadora

Jennifer Hermoso (Barcelona)

Alexia Putellas (Barcelona)

Sam Kerr (Chelsea)

Melhor goleiro

Donnarumma (Milan-PSG)

Mendy (Chelsea)

Neuer (Bayern de Munique)

Melhor treinador

Pep Guardiola (Manchester City)

Roberto Mancini (Itália)

Thomas Tuchel (Chelsea)

Prêmio Puskas (gol mais bonito)

Erik Lamela (Tottenham/Sevilla)

Patrik Schick (Bayer Leverkusen)

Mehdi Taremi (Porto)

Melhor goleira

Ann-Katrin Berger (Chelsea)

Christiane Endler (PSG)

Stephanie Labbé (PSG)

Melhor treinador(a) – futebol feminino

Lluis Cortés (Barcelona)

Emma Hayes (Chelsea)

Sarina Wiegman (seleção holandesa e seleção inglesa)

 

Globo Esporte

Comentários

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar consulte Mais informação