The news is by your side.

‘Hipster da Federal’ morre após ser baleado ao invadir casa em Goiás

 

De acordo com o boletim de ocorrência realizado pelo dono da casa, Marconny dos Anjos, ele estava em casa com a mulher e a filha de 3 anos quando “ouviu barulhos de gente em volta da sua casa e uma gritaria com diversos xingamentos falando que naquela casa havia um demônio”.

Ainda segundo o boletim, o policial conhecido como ‘Hipster da Federal teria desligado o padrão de energia da casa e arrombado a porta. Foi então, que no escuro, Marconny teria dito para Valença ir embora, mas ele não foi.

Em seguida, o dono do imóvel fez um disparo de espingarda na direção de Lucas. Quando religou a luz, Marconny viu que tinha acertado o policial federal e chamou a Polícia Militar.

“Segundo relatos de amigos e parentes, a vítima era policial federal e se encontrava em surto psicótico desde o dia anterior”, finaliza o boletim.

Lucas Valença ficou ‘famoso’ após fazer a escolta do ex-presidente da Câmara Eduardo Cunha, quando ele foi preso pela Operação Lava-Jato, em 2016. Ele chamou atenção pelo visual hipster, sendo um policial federal.

Comentários

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar consulte Mais informação