The news is by your side.

Governo de MT pede internacionalização do aeroporto de Cuiabá até o fim da Copa Sul-Americana

Da Redação

O Governo do Estado encaminhou ao Governo Federal um pedido de internacionalização temporária do Aeroporto Marechal Rondon, de Cuiabá, pelo período de quatro meses, até a finalização dos jogos da Copa Sul-Americana, em 1º de outubro.

O pedido ocorre porque, o aeroporto não realiza desembarque internacional. E segundo o regulamento da Conmebol, que realiza o campeonato, as delegações internacionais só podem desembargar em aeroportos disponíveis a 150 quilômetros do estádio da partida. Desta forma, ficaria inviabilizada as disputas com o time do Cuiabá.

O secretário-chefe da Casa Civil, Rogério Gallo, afirmou que, atualmente, para a liberação definitiva da internacionalização, o aeroporto depende de investimentos e adaptações a serem executadas pela atual concessionária responsável, conforme exigências dos órgãos públicos federais envolvidos no processo, ou seja, independe da atuação do governo estadual.

O ofício foi enviado ao ministro-chefe da Casa Civil, Ciro Nogueira, e ao ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Marcos Montes Cordeiro.

E ainda, aos diretores-presidentes da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) e Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), Juliano Alcântara Noman e Antônio Barra Torres, respectivamente, bem como ao superintendente regional do Departamento de Polícia Federal em Mato Grosso, Sérgio Mori.

Gallo pontuou que o requerimento leva em consideração o fato de que o campeonato conta com a participação do Cuiabá Esporte Clube, que precisará receber a visita de clubes internacionais na Capital.

“A internacionalização temporária do aeroporto vai permitir pousos e decolagens de aeronaves com as delegações de outros países, por um período mais longo”, disse Gallo.

“Sempre vamos apoiar o esporte mato-grossense e nossa intenção nesse momento é evitar que haja prejuízo irreparável à participação do Cuiabá no campeonato internacional”, acrescentou.

Gallo lembrou que, à época da Copa do Mundo Fifa 2014, o Aeroporto Marechal Rondon também obteve a internacionalização temporária, permitindo pousos e decolagens de países vizinhos, assim como em 2021, para realização da Copa América.

Mais recentemente, no dia 6 de abril, por intermédio do governo estadual, também foi liberado o pouso da delegação do time peruano Melgar para a disputa da Copa Sul-Americana na Arena Pantanal.

O próximo jogo do Cuiabá na Arena Pantanal está marcado para o dia 27 de abril, contra o time argentino River Plate. A expectativa é de que uma resposta seja encaminhada pelos órgão federais competentes até lá.

Comentários

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar consulte Mais informação