The news is by your side.

Estado e Prefeitura afirmam que não houve emenda parlamentar para ExpoBela

Da Redação

O apresentador Everton Pop do programa POP da TV Cidade Verde exibiu na programação da emissora, na sexta-feira (17), as notas de esclarecimentos emitidas pela Secretaria de Estado de Cultura, Lazer e Esporte de Mato Grosso (Secel) e da Prefeitura de Vila Bela de Santíssima Trindade – por meio do secretário Jefferson Carvalho e gestor André Bringsken – devido informações desencontradas sobre a gestão parlamentar do deputado estadual Thiago Silva (MDB).

O veículo de comunicação informou, na última quarta-feira (15), que o parlamentar havia destinado emenda para o evento da 4ª ExpoBela, no mês de maio de 2022, devido o deputado estar presente na ocasião – sendo que ele prestigiou o acontecimento a convite do prefeito já que estava na cidade para atendimento de compromissos institucionais.

Para confirmar que a notícia não procedia, os órgãos públicos posicionaram que não havia nenhuma verba para o determinado evento, conforme anunciado pela emissora que tinha entrado em contato com o prefeito André e divulgado o áudio do gestor que afirmou equivocadamente à produção que teria recebido o valor de R$ 50 mil de Thiago Silva.

Perante o fato, a Secretaria Estadual de Cultura informou a inexistência de destinação de emenda parlamentar do deputado Thiago, entre os anos de 2021 a 2022, como, também, o prefeito André que se reconsiderou sobre as declarações feitas que prejudicaram erroneamente o parlamentar estadual.

André também manifestou ser o dever dele, como homem público, restabelecer a verdade com as declarações equivocadas concedidas à mídia, já que atendeu o jornalista Arthur Garcia no momento que estava em reunião na Casa Civil do Estado e não conseguiu associar as argumentações feitas, o que acabou que ele se posicionasse de forma injusta – sem a intenção de prejudicar o deputado.

A retratação do programa do Pop da TV Cidade Verde foi feita por Everton Pop que exibiu os ofícios, ao vivo, para o conhecimento do público. “Para a gente não ser injusto, estamos lendo as notas de esclarecimentos, assinado pelo prefeito André, e do secretário atual de Cultura do Estado. Todo mundo se equivocou, lido a nota”, posicionou o comunicador ao encerrar o assunto.

 

Comentários

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar consulte Mais informação