The news is by your side.

Mauro Mendes falta audiência de conciliação com Emanuel Pinheiro

Da Redação

O governador Mauro Mendes (União) não compareceu na audiência de conciliação (1°) sobre processo de indenização por danos morais movido pelo prefeito Emanuel Pinheiro (MDB). Ao invés de ir ao 1° Juizado Especial de Cuiabá, ele cumpriu agenda em Barra do Garças.

Emanuel Pinheiro compareceu na audiência e como o governador não justificou à Justiça o motivo da ausência, o advogado do prefeito solicitou a revelia e confissão de todos os atos missionários no processo que, agora, será encaminhado para julgamento do juiz.

O prefeito pede a condenação do governador por conta de declarações de Mauro Mendes, que acusou Emanuel Pinheiro de liderar uma quadrilha que atuava dentro da Prefeitura de Cuiabá.

Conforme a defesa do prefeito, o governador do Estado não apresentou provas ou qualquer tipo de evidências que comprovem a participação de Emanuel nos casos envolvendo ex-secretários municipais.

Comentários

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar consulte Mais informação