The news is by your side.

Deputado diz que maior ‘adversário’ de Mendes é Bolsonaro

Allan Mesquita

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) pode ser o maior adversário do governador Mauro Mendes (DEM) em uma eventual reeleição em 2022. Esse é o entendimento da classe bolsonarista de Mato Grosso, que afirma que o democrata terá dificuldades de se reeleger, caso outro candidato ao governo receba o apoio do chefe do Planalto.

Defensor da mesma tese, o deputado Gilberto Cattani (PSL) afirmou nesta quinta-feira (4) que o chefe do Executivo terá um grande desafio se resolver encabeçar uma recandidatura sem ser abraçado por Bolsonaro.

“O atual governador só tem um adversário que não é mato-grossense. Esse adversário se chama Jair Messias Bolsonaro, se por ventura for. Se Bolsonaro apoiar algum nome que não seja Mauro Mendes, aí ele vai ter um adversário, caso contrário ele consegue se reeleger tranquilamente”, disse em entrevista ao programa Tribuna (rádio Vila Real 98.3 FM).

Cattani não é o único que possui o mesmo pensamento. Em agosto, o presidente do Patriota de Mato Grosso, ex-deputado federal Victório Galli disse que o Democrata pode se tornar “imbatível” caso consiga o apoio do presidente.

Isso porque em julho, Mendes chegou a se reunir em Brasília para debater sobre investimentos para o Estado e também sobre as conjunturas políticas de 2022. Por outro lado, a direita em Mato Grosso segue se movimentando para construir um grupo político para o próximo pleito.

Diante do atual cenário, o deputado afirmou que se surgir um nome expressivo que receba a simpatia de Bolsonaro, a disputa pelo governo do Estado ficará bem competitiva.

“Existe até uma esperança da direita que Bolsonaro possa apoiar essa ideia. Se isso acontecer eu acredito que Mauro tenha um adversário. Porém, tudo ainda está no campo das possibilidades”, concluiu.

Comentários

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar consulte Mais informação