The news is by your side.

“Cuiabá Solar Expo” acontece em novembro

 

O investimento em energia solar está em constante crescimento em Cuiabá. A capital mato-grossense é o município com o maior consumo do país, representando 1,3% de toda energia solar instalada. Segundo dados da Associação Brasileira de Geração Distribuída (ABGD), entre 2020 e 2021 o número de conexões de energia solar duplicou no país. Impulsionada por este cenário, acontece em Cuiabá a primeira edição do “Cuiabá Solar Expo – Feira de Energia Solar Fotovoltaica de Cuiabá”. O evento acontecerá em três dias, de 23 a 25 de novembro no Centro de Eventos da Acrimat, das 16h às 22h.
A feira de varejo será voltada para o consumidor que deseja adotar a fonte de energia renovável a solar. Um dos objetivos principais será a apresentação de como funciona esse mercado e mostrar os melhores fornecedores de energia solar. O evento contará com a participação da empresa Enerzee e da WEG Solar, duas empresas do ramo de energia voltadas para a sustentabilidade econômica e financeira do planeta.

Mato Grosso ocupa o quarto lugar em geração de energia por meio de painéis fotovoltaicos. Por isso, na feira os interessados poderão conhecer e buscar orçamentos com opções de crédito para a implantação desses serviços em empresas, propriedades rurais ou residências. Especialistas em energia solar, instituições financeiras, empresas de instalação e fornecedores diversos do segmento estarão disponíveis na feira.

AGENDA
“Cuiabá Solar Expo – Feira de Energia Solar Fotovoltaica de Cuiabá”
Centro de Eventos da Acrimat, das 16h às 22h
23 a 25 de novembro de 2021
Mais informações pelo site: https://www.cuiabasolarexpo.com.br

A Feira
A Cuiabá Solar Expo – Feira de Energia Solar Fotovoltaica de Cuiabá é uma realização da Moretti Coelho Eventos. Será realizada entre os dias 23 e 25 de novembro, no Centro de Eventos da Acrimat, das 16h às 22h. São mais de 20 empresas expositoras. O evento tem apoio da Federação do Comércio, Bens, Serviços e Turismo (Fecomércio-MT), do Conselho Regional de Engenharia de Mato Grosso (CREA-MT) e da Associação Mato-grossense dos Engenheiros Eletricistas (AMEE).

Comentários

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar consulte Mais informação