The news is by your side.

CEO do Twitter, Jack Dorsey, deixará o cargo

 

O atual CEO do Twitter, Jack Dorsey, anunciou nesta segunda-feira (29) que renunciou ao cargo. A saída de Dorsey já era especulada entre investidores, o que fez as ações da empresa subirem nas negociações pré-abertura e após o início do funcionamento da bolsa de Nova York.

O conselho de diretores da empresa aprovou por unanimidade o nome de Parag Agrawal, atual diretor de tecnologia do Twitter, para assumir o cargo de CEO.

Por volta das 13h59, as ações do Twitter tinham queda de 0,79% na bolsa de Nova York, cotadas a US$ 46,69, após a notícia.

Dorney se tornou um empresário bilionário após ser um dos fundadores do Twitter, uma das redes sociais mais acessadas do mundo. Atualmente, ele também é CEO da empresa de pagamentos Square, fundada em 2015.

Dorsey anunciou sua renúncia em uma publicação no Twitter. “Eu acredito que a companhia ser liderada pelo fundador é severamente limitador, e um ponto de falha. Eu tenho trabalhado duro para garantir que essa empresa possa sair dos seus fundadores”.

O empresário continuará no conselho administrativo da empresa até maio de 2022, quando seu mandato terminará e ele deixará o órgão. “Eu acredito que é importante dar para Parag o espaço que ele precisa para liderar”, afirmou.

No domingo (28), Dorsey fez uma publicação na rede social em que afirmou que “ama o Twitter”. O número de curtidas na publicação subiu para mais de 55 mil nesta segunda-feira.

Atualmente com 45 anos, ele foi um dos quatro fundadores do Twitter, em 2006. Segundo a revista Forbes, ele possui um patrimônio de US$ 11,9 bilhões, o que o coloca em 53º lugar na lista de pessoas mais ricas do mundo.

Não é a primeira vez que Dorsey deixa o cargo de CEO, ou diretor-presidente, da empresa. Ele ocupou o cargo entre 2006 e 2008, quando renunciou para assumir a diretoria do conselho administrativo da companhia, mas voltou ao posto em 2015.

De acordo com a agência de notícias Reuters, o conselho do Twitter estava organizando a saída dele desde 2020.

No início do ano passado, Dorsey enfrentou pedidos da Elliott Management Corp para ele deixar o cargo, depois que o fundo de hedge argumentou que ele estava prestando muito pouca atenção ao Twitter enquanto dirigia a Square.

Dorsey se defendeu da pressão dando à Elliott e a sua aliada, a firma de aquisições Silver Lake Partners, assentos no conselho de administração do Twitter.

O empresário também tem se envolvido com o universo das criptomoedas e da tecnologia blockchain. Em fevereiro deste ano, ele anunciou a criação de um fundo de bitcoin junto ao rapper Jay Z.

Comentários

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar consulte Mais informação