The news is by your side.

Bolsonaro sanciona Orçamento de 2022

 

O presidente da República Jair Bolsonaro (PL) sancionou, com vetos, o Orçamento de 2022, informou no domingo (23) a Secretaria-Geral da Presidência da República.

O texto integral da peça orçamentária será publicado nesta segunda-feira (24), em edição do Diário Oficial da União.

O comunicado divulgado pelo Planalto não detalhou o valor das despesas que foram vetadas.

“Foi necessário vetar programações orçamentárias com intuito de ajustar despesas obrigatórias relacionadas às despesas de pessoal e encargos sociais”, informou a pasta.

No sábado (22), Bolsonaro havia anunciado a necessidade de corte de R$ 2,8 bilhões no Orçamento, em conversa com jornalistas em Eldorado (SP), onde um dia antes ele participou do velório de sua mãe, Olinda, 94.

Se confirmado, o montante é menor do que o anunciado um dia antes pela Casa Civil. A indicação era de um corte de R$ 3,1 bilhões.

O comunicado de seis parágrafos sobre o orçamento de 2022 cita valores destinados a ações de saúde (R$ 139,9 bilhões), educação (R$ 62,8 bilhões) e ao programa social Auxílio Brasil (R$ 89,1 bilhões), mas não informa quanto das despesas precisou ser cancelado.

A Câmara dos Deputados aprovou em 21 de dezembro, por 358 a 97 votos, a proposta de Orçamento da União para 2022.

Comentários

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar consulte Mais informação