The news is by your side.

Suspeito de roubo é espancado por populares e morre em Cuiabá

 

A Polícia está investigando a morte de Ricardo Aguiar de Souza, 26, que deu entrada no Hospital Municipal de Cuiabá (HMC) no último domingo (13), com quadro de traumatismo craniano. Consta no relato policial que ele foi agredido por populares após tentar roubar uma mulher no Baú, mas ele sofreu uma queda na hora do crime e testemunhas aproveitaram do momento para agredi-lo.

No domingo, uma viatura da base da Lixeira foi acionada por volta das 19h40 para atender uma ocorrência de tentativa de roubo, com ‘risco de linchamento por populares’.

Quando os policiais chegaram, encontraram o homem caído no chão em estado de choque. Uma testemunha contou que ele tentou roubar uma mulher, mas acabou caindo. Nesse momento, populares que flagraram a tentativa do crime passaram a agredir o rapaz e depois fugiram do local.

O homem ficou desacordado e o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionado. A equipe afirmou aos policiais que, naquele momento, a vítima seria entubada já que havia sinais de traumatismo craniano.

Após dar entrada no HMC, a equipe médica confirmou o quadro de traumatismo grave. Mesmo com o tratamento, Ricardo teve uma parada cardíaca e não resistiu, morrendo às 18h40 de terça-feira (15).

A Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) foi acionada para a liberação do corpo. O caso foi registrado como homicídio doloso e está sendo investigado. O crime aconteceu na rua de trás de uma escola particular e câmeras de segurança vão ajudar a identificar os autores das agressões.

 

 

Comentários

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar consulte Mais informação