The news is by your side.

MPF dá 48 horas para PRF explicar morte de homem em viatura em Sergipe

Da Redação

O Ministério Público Federal em Sergipe abriu procedimento nesta quinta-feira (26), para acompanhar as investigações sobre a morte de Genivaldo de Jesus Santos em uma viatura, em Umbaúba. A Procuradoria deu 48 horas para que a Polícia Rodoviária Federal informe sobre o processo administrativo instaurado para apurar os fatos e solicitou que a Polícia Federal abra um inquérito sobre o caso. O órgão também requisitou informações à Delegacia de Polícia Civil de Umbaúba.

Genivaldo, de 38 anos, morreu nesta quarta (25), durante abordagem da PRF. Vídeos mostram o momento em que ele é colocado dentro do porta-malas da viatura e fechado com gás. Ao fundo, testemunhas afirmam que os agentes iriam matá-lo.

A perícia do Instituto Médico Legal (IML) constatou que Genivaldo morreu por asfixia mecânica e insuficiência respiratória aguda. Em nota, a PRF disse que o homem “resistiu ativamente a  abordagem” e que, “em razão da sua agressividade, foram empregados técnicas de imobilização e instrumentos de menor potencial ofensivo para sua contenção”.

A polícia afirmou que ele foi socorrido de imediato ao Hospital José Nailson Moura, onde posteriormente foi atendido e constatado o óbito. A equipe registrou a ocorrência na Polícia Judiciária. A PRF ainda disse que lamenta o ocorrido e informa “que foi aberto procedimento disciplinar para averiguar a conduta dos policiais envolvidos”.

Comentários

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar consulte Mais informação