The news is by your side.

De saída do PROS, João Batista revela ter recebido 18 propostas partidárias

O deputado estadual João Batista, em entrevista ao Muvuca Popular, confirmou que não pretende continuar no Partido Republicano da Ordem Social (PROS) e que, atualmente, está analisando 18 propostas partidárias. Com a saída do parlamentar prevista para dezembro deste ano, as especulações crescem cada vez mais sobre qual rumo o político irá tomar.

“Não acredito na minha permanência no partido, visto que já temos algumas divergências e desgastes ideológicos e políticos, inclusive entre os nossos correligionários. Se a gente pertence a um grupo, nós temos que estar alinhado com ele e isso não tem acontecido. Não posso desfazer meu discurso político, por isso estamos analisando as 18 propostas partidárias que recebemos”, relatou.

De acordo com João Batista, o PROS já garantiu que, caso seja realmente sua vontade, irá liberá-lo assim que decidir. “Tenho uma proposta do próprio partido, que se for de minha vontade, eles liberariam”, pontuou.

Vale lembrar que, em maio deste ano, o deputado foi retirado da presidência da sigla pela diretoria nacional do partido. O principal motivo da intervenção teria sido a recusa de Batista em expulsar o sindicalista Oscarlino Alves, por não apoiar o candidato derrotado Abílio (Podemos) nas eleições municipais de 2020.

Com 18 propostas partidárias recebidas, Batista conta que um dos pontos que tem analisado para a escolha é a questão ideológica. “Vou analisar a questão ideológica e a questão de viabilidade. Tem lugar que você vai para ser mais um e esse não é o nosso objetivo. Tem que estar alinhado com meu discurso de segurança pública e o atendimento público voltado ao cidadão. Acho que até dezembro encerro essa questão”, concluiu.

Comentários

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar consulte Mais informação