The news is by your side.

Cuiabá reincide contrato com um dos jogadores que agrediram garota de programa

O Cuiabá Esporte Clube informou, por meio de nota, que encerrará o vínculo com o jogador Clayson e vai esperar a conclusão das investigações sobre a participação do também jogador Rafael Gava na agressão a garota de programa D., 21 anos, em um motel de Cuiabá.

Depois que o caso veio à tona, a direção pressionou os jogadores e Clayson confessou o envolvimento no episódio. Contudo, Rafael Gava apontado como um dos agressores pela jovem, nega que estivesse no motel, mas que estaria em casa.

Veja a nota na íntegra

“O Cuiabá Esporte Clube informa que tomou ciência ontem da existência de um Boletim de Ocorrência em que os atletas Clayson e Rafael Gava são acusados de lesão corporal a uma jovem.

Ao confrontar os jogadores, a direção ouviu a confissão da participação de Clayson no lamentável episódio. Já Rafael Gava teve sua versão de que estava em casa com familiares confirmada pelo próprio colega.

O Cuiabá lamenta profundamente o ocorrido e já informou Clayson que sua conduta extracampo é inaceitável e que encerrará seu vínculo imediatamente. O atleta, que pertence ao E.C. Bahia, foi excluído ontem mesmo do grupo que enfrenta hoje o Santos, na Vila Belmiro, pela última rodada do Campeonato Brasileiro.

Em relação ao atleta Rafael Gava, o Cuiabá aguardará a conclusão das investigações para decidir qual atitude será tomada.

O clube de Mato Grosso reafirma publicamente seu repúdio a toda e qualquer forma de violência e de assédio, especialmente contra as mulheres, e contribuirá na apuração dos fatos e responsabilidades.”

Comentários

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar consulte Mais informação